Sindpetro NF pede interdição da P-35

0

O Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro NF) entrou com pedido de interdição da plataforma P-35 da Petrobras, na Bacia de Campos, ao Ministério Público do Trabalho (MPT), na última sexta-feira.

A situação de conservação e de segurança da plataforma está sendo investigada pelos procuradores de Cabo Frio, que já instauraram inquérito para apurar as denúncias de falta de segurança feitas pelo sindicato nas plataformas P-35, P-31, apelidada pelos trabalhadores de sucatão, e na P-33. Esta última está interditada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) desde o dia 12 de agosto.

Foto: Rogerio Cordeiro

Diante da denúncia de que dois trabalhadores se acidentaram em menos de 15 dias na plataforma e de que ainda houve um vazamento de gás, o MPT pediu que a Petrobras preste esclarecimentos sobre os acidentes aos procuradores até esta terça-feira.

Para ler esta matéria na íntegra, acesse O Globo

Por Rodrigo Cintra

1 COMENTÁRIO

  1. É estranho a Petrobras que têm a fama mundial de “chata” em questões de segurança permitir que uma embarcação chege a esse ponto.
    Será que a euforia pelos lucros está sobrepujando novamente a segurança?

Deixe uma resposta