Governador do ES compra briga com Petrobras

0

Executivos da Jurong estiveram reunidos ontem com Paulo Hartung e ouviram do Governador a garantia de que o Estado vai às últimas consequências para impedir que o estaleiro capixaba seja prejudicado na licitação das 28 sondas de perfuração que a Petrobras fará no dia 17 de novembro. A encomenda beira os US$ 30 bilhões.

Caso a Petrobras mantenha a exigência de uma licença ambiental prévia do Ibama, feita de última hora, para que os estaleiros possam participar da licitação, o governo do Estado entrará com uma ação na Justiça para barrar o processo licitatório. A nova regra da Petrobras prejudicaria o estaleiro que a Jurong quer implantar em Aracruz, porque a licença do empreendimento foi emitida pelo Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema).

A Jurong não é a única empresa que pode ser afetada. A necessidade de apresentar licença prévia emitida pelo Ibama praticamente inviabiliza a participação de quase todos os concorrentes, afinal, não há tempo hábil para se obter o documento. Hoje, o único concorrente que apresenta as condições pedidas pela Petrobras é o da Bahia, que ainda nem saiu do papel, mas que tem como proprietários os grupos Odebrecht e OAS, construtora ligada à família Magalhães.

Com as informações – A Gazeta

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta