Rapidinhas da matina!

1

É, pessoal. Um site dirigido ao público aquaviário sabe muito bem que os horários dos nossos leitores são bem variados. Sendo assim, tem embarcado que só pode dar uma passada por aqui na madrugada. Então, o jornalista aqui está postando estas rapidinhas direto do forno às quatro da manhã. “Vamo que vamo”!

BG está fora de São Francisco – A ANP aprovou a transferência da participação de 50% da BG no bloco BT-SF-2, na Bacia do São Francisco, para a Petrobras. A decisão ratifica estratégia da petroleira britânica de concentrar sua atividade exploratória no país na área de offshore. A área foi arrematada em parceria com a Petrobras na sétima rodada de licitações da ANP, realizada em 2005. Agora com 100% da concessão, a estatal está perfurando um poço no local. O BT-SF-2 engloba as células SF-T-101, SF-T-102, SF-T-103, SF-T-111, SF-T-112, SF-T-113. O bloco possui área de 17.676 km².

Navegação interior – Recentemente, o Ministério dos Transportes aprovou o documento Diretrizes da Política Nacional de Transporte Hidroviário, que deverá ser validado pelo Conselho Nacional de Integração de Políticas de Transporte (Conit) até o fim do ano. Entre os tópicos abordados estão melhoria dos serviços hidroviários; priorização de trechos de interesse para o país; garantia de acessos hidroviários aos portos do Norte; capacitação de mão-de-obra; desoneração de combustíveis e lubrificantes; e política de fomento à renovação da indústria naval. O secretário de Política Nacional de Transporte do Ministério, Marcelo Perrupato, explicou que essas são ações devem elevar a participação do transporte aquaviário na matriz brasileira. Atualmente, o modal responde por 13% do que é transportado no país. A meta do governo é de que esse índice suba para 29% em 2025.

Por Marcus Lotfi

1 COMENTÁRIO

  1. Finalmente vemos a Peroba jogando para vencer. Esse movimento foi altamente estratégico afim de manter a hegemonia de empresa. Como acionista, fico feliz, pois nós, os minoritários, em 2010 já perdemos MUITO dinheiro.

Deixe uma resposta