Graneleiros gigantes entram com força no Mercado Internacional

0

A alta no número de encomendas de graneleiros de grande porte para as multinacionais de mineração está ameaçando roubar a participação dos navios da classe capesize no mercado. Segundo estudo do banco de investimento alemão DVB Group, 70 capesizes devem ser retirados da frota global, sendo que em 2011 serão descartados 22 e, em 2011, 48.

O desenvolvimento desta frota super-dimensionada introduz uma nova classificação: ULBC (ultra large bulk carriers), unidades acima de 280 mil dwts. Com isso, a capacidade global deve dobrar nos próximos três anos.

De acordo com o relatório do DVB, a frota de navios graneleiros acima de 200 mil dwts deve crescer 27,8% no próximo ano, totalizando para 253 navios. Grande parte destas novas unidades serão graneleiros entre 150 mil dwts e 200 mil dwts.

A frota irá crescer outros 28% em 2012 para 314 embarcações, e mais 10% para 343 embarcações em 2013.

Berge Stahl – O maior graneleiro do mundo

O DVB informa que todas as novas construções ULBCs devem ser utilizadas principalmente na rota Brasil-China, para embarque de minério de ferro. “Com base em quatro viagens por ano, os 26 ULBCs (9,27 milhões de dwts), agendados para entrega em 2011 devem transportar 37 milhões de toneladas nesta rota”, de acordo com o relatório. “Os 32 ULBCs (11,56 milhões de dwts) entregues em 2012 devem transportar cerca de 46 milhões de toneladas de minério de ferro”.

Cerca de 20 VLBCs foram entregues este ano, com mais 11 programados até ao final de dezembro. Além disso, mais nove navios estão aguardando conversão para a nova classe em estaleiros.

Com as informações – Guia Marítimo

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta