Greenpeace invade plataforma no Golfo do México

0

Quatro ativistas do Greenpeace subiram nesta segunda-feira em uma plataforma petrolífera no Golfo do México para protestar contra a dependência mundial de petróleo, uma semana antes da conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP16), que será celebrada em Cancún (leste), informou a ONG.

“A bordo de uma lancha rápida, quatro ativistas do Greenpeace chegaram à plataforma de águas profundas PetroRig III (…) e escalaram mais de 20 metros”, explicou a organização em um comunicado.

Os ativistas permaneceram quatro horas a bordo da plataforma até que o pessoal de segurança os obrigou a descer e confiscou seu equipamento e um cartaz que dizia ‘Go beyond oil’ (Supere o petróleo), afirmou a ONG.

Segundo o Greenpeace, a plataforma PetroRig III foi construída na Coreia e foi contratada pela paraestatal mexicana Pemex (Petróleos Mexicanos) para operar em águas profundas do Golfo do México a 100 km da costa de Veracruz (leste).

O escritório central de imprensa da Pemex informou à AFP que não tinha confirmação sobre a ação do Greenpeace.

Uma das motivações do protesto é “reforçar” junto aos 194 países que negociarão medidas de combate às mudanças climáticas, durante a conferência de Cancún (entre 29 de novembro e 10 de dezembro), “a necessidade de começar a prescindir dos combustíveis fósseis”.

Com as informações – AFP

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta