Anadarko acha mais gás em Moçambique

0

A companhia petrolífera norte-americana Anadarko anunciou a terceira descoberta de gás natural na costa moçambicana. De acordo com comunicado da empresa, o Campo de Lagosta fica mais ao sul dos campos de Barquentine e Windjammer, na Bacia do Rio Rovuma.

A descoberta “expande significativamente essa província emergente, de categoria internacional de gás natural” diz, no texto, o vice-presidente de Exploração da Anadarko, Bob Daniels. “Ainda que seja preciso fazer mais perfurações para melhor avaliação, acreditamos que as três descobertas anunciadas já excedem o tamanho necessário para suportar o projeto de GNL (gás natural líquido) e designamos uma equipe para avançar nas opções de comercialização”, diz.

O poço de Lagosta fica a aproximadamente 13.850 pés (4,2 mil metros) de profundidade, em águas profundas de cerca de 5 mil pés (1,5 mil metros). As perfurações para estudo devem chegar a 5 mil metros. Está programada a abertura de mais um furo na mesma área de concessão da Anadarko. A perfuração do Lagosta começou em 26 de outubro deste ano.

Em agosto, a mesma empresa anunciou ter detectado a existência de petróleo, também na Bacia do Rio Rovuma. Estudos complementares vão determinar a viabilidade comercial da descoberta. Cerca de dez empresas petrolíferas multinacionais fazem pesquisas em Moçambique, mais fortemente na Bacia do Rovuma, na província de Cabo Delgado, ao Norte do país.

O Ministério de Recursos Mineirais de Moçambique não fez comentários sobre o anúncio até agora.

Clipping direto – Agência Brasil

Por Marcus Lotfi

Deixe uma resposta