Porto de Santos movimentou quase 5 bilhões de toneladas

0

O Porto de Santos movimentou 4.760.624 toneladas em novembro e com o acumulado em 11 meses de 2010 já supera a movimentação de todo o ano passado, segundo a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp). De janeiro a novembro desse ano, o cais santista movimentou 88.823.922 toneladas, 16,5% a mais que as 76.255.592 toneladas movimentadas no mesmo período de 2009, ano em que o Porto de Santos encerrou com um movimento de 83,194 milhões de toneladas.

O recorde foi impulsionado pelo excelente desempenho das importações, que com 29,12 milhões de toneladas, cresceram 36,8% em relação aos onze primeiros meses do ano passado e agora representam 32,7% da movimentação portuária em Santos. Já as exportações cresceram 8,6%, chegando a 59,7 milhões de toneladas no período.

Na movimentação física, os destaques da importação ficam com carvão, fertilizantes e enxofre, os dois primeiros atingindo expressivo crescimento de 56,1% e 38,4%, respectivamente. As exportações contaram com aumento de 18,8% nos embarques de açúcar, a carga mais operada no Porto, representando 20,82% do total de cargas, com 18,49 milhões de toneladas embarcadas no período. Vale ainda destacar os bons resultados nas operações de milho, com 4,62 milhões de toneladas; e gasolina, com 1,32 milhões de toneladas, alcançando expressivos incrementos de 49,9% e 41,2%, respectivamente.

As operações com contêineres chegaram a quase 2,5 milhões TEUs (unidade relativa a um contêiner de 20 pés), com elevação de 21,1% em relação a 2009. A marca corresponde a 27,46 milhões de toneladas, 30,9% de toda movimentação. Também em ascensão, a operação de veículos cresceu 69,7% no período, com total de 321.533 unidades, movimento claramente impulsionado pela importação, que aumentou 97,5%.

O fluxo de navios registrou 5.237 atracações, 4.529 de longo curso, com ligeiro aumento de 1,9%, e os demais de cabotagem, com queda de 8,6%.

Os números da balança comercial apontam alta de 30,55% no período, com uma participação de US$ 87,6 milhões. Com pequena margem, as exportações superam as importações com US$ 45,8 milhões, apesar da queda de 23,78%. Já as importações, com notável desempenho em 2010, chegaram a US$ 41,8 milhões, registrando alta de 38,87%.

Com as informações – JcNet

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta