Petrobras antecipa projeto de seu Terminal Oceânico

0
151

A Petrobras antecipou em um ano o projeto de instalação da Unidade Offshore de Transferência e Exportação (UOTE), que será instalado a 80 km de Macaé, na região Norte do Rio de Janeiro e próximo ao pré-sal da Bacia de Santos. Programado para ser instalado em lâmina dágua rasa de 70 m, o terminal demandará investimentos da ordem de US$ 500 milhões e será operado pela Transpetro.

A UOTE será composta de um FSO fixo e um PLEM, com duas monoboias. Do tipo VLCC, o FSO irá receber e estocar até 2 milhões de barris de petróleo, a serem transferidos de navios DP (posicionamento dinâmico), do tipo Aframax ou Panamax, vindos das plataformas marítimas. Com um sistema de válvulas que permite a reversão do fluxo, as monoboias permitirão a atracação de navios convencionais (Suezmax ou VLCC) ou DP, possibilitando, assim, sua utilização tanto nas operações de transferência como de carregamento.

A meta é iniciar os primeiros processos de licitação do terminal oceânico no início do ano. As primeiras concorrências devem contemplar a contratação do PLEM, das linhas e de outros equipamentos necessários à sua implantação.

Para saber mais sobre a solução de logística, leia a matéria Um ‘porto’ no mar, publicada na Revista Petrobras: Parte 1 e Parte 2. (Caso não consiga visualizar clique com o botão direito do mouse e abra uma nova janela.)

Com as informações – Petrobras

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta