Chevron quer expandir Frade

12
1297

A Chevron, segunda maior petrolífera dos Estados Unidos, planeja expandir o projeto Frade, de US$ 3 bilhões, no litoral brasileiro, e fazer perfurações mais profundas, chegando à camada do pré-sal.

A empresa pode começar a exploração da camada do pré-sal no fim deste ano ou no início de 2012, informou Ali Moshiri, Diretor de Exploração e Produção da companhia para a África e a América Latina. A Chevron, que já produz petróleo de camadas mais rasas em Frade, na Bacia de Campos, pode usar uma segunda plataforma no campo para desenvolver reservas maiores e mais profundas, disse o executivo.

“Frade tem sido uma boa surpresa até agora em termos de produção”, disse Moshiri. “Nosso desejo é que a reserva seja grande suficiente para um projeto que se sustente.”

A Chevron quer reproduzir o sucesso da Petrobras nas descobertas de óleo abaixo de campos já conhecidos. Dois dos dez poços mais produtivos do Brasil foram descobertos no campo Jubarte, também na Bacia de Campos, depois que a Petrobras fez perfurações abaixo da camada de sal.

A produção em Frade pode superar 90 mil barris por dia este ano, contra 80 mil atualmente, disse Moshiri. A Chevron tem uma participação de 51,74% no campo e é a operadora do projeto. Petrobras, Inpex, Sojitz e Japan Oil, Gas and Metals National também detêm fatias na concessão.

Com as informações – Jornal Corporativo

Por Rodrigo Cintra

12 COMMENTS

  1. Em conjunto com os demais países do mundo, emergentes ou diferentes, não devemos nos comportar como o quintal dos EUA. Atenção congressistas de plantão: defendam o patrimônio nacional. É dever de vosmicês. Ou bane companhias como a Chevron ou, pelo menos, os façam cumprir suas obrigações.

  2. […] a pergunta se a Chevron-Texaco tinha ali estudos e equipamentos adequados para perfurar o pré-sal, como provavelmente pretendia fazer? Se isso tem ou não relação com o acidente é outra história. Não necessariamente tem. Mas é […]

Deixe uma resposta