Novos geradores para porto de Porto Velho

0

Três geradores pesando mais de meia tonelada chegaram ao porto de Porto Velho neste final de semana. Uma estrutura gigantesca foi montada para desembarcar a carga, que seguiu de carreta até a Usina de Jirau.

Os geradores foram fabricados pela empresa Siemens, que fica localizada em Jundiaí, no interior de São Paulo, e pesam em média 180 toneladas cada um. Os equipamentos foram levados para o porto de Santos, de onde foram embarcados em um navio com destino a Manaus, no Amazonas. De Manaus a Porto Velho a carga foi transportada numa embarcação especia, cujo trajeto demorou 37 dias para ser percorrido.

Para descarregar os geradores na capital rondoniense a empresa de logística Bertling fabricou sob medida as rampas que fazem a conexão da embarcação até a parte externa do porto. Com um guindaste cada gerador foi retirado da embarcação e colocado numa carreta especial com mais de trezentos pneus, que fez o transporte dos equipamentos até a Usina de Jirau.

Segundo o engenheiro naval Paulo José dos Santos a carga custa R$ 24 milhões e só de equipamentos de logística para embarque e desembarque foram investidos mais R$ 15 milhões. “Só a rampa custou R$ 1 milhão”, afirmou o engenheiro.

O diretor de Fiscalização e Operação do Porto de Porto Velho, João Leonel Bertolin, ressaltou a importância do porto no transporte dos equipamentos que serão utilizados nas usinas que estão sendo construídas no rio Madeira: “Com isso inauguramos um corredor de transporte naval não só para atender a demanda das usinas mas também para o Brasil, tendo em vista a abertura da rodovia do Pacífico”, disse Leonel Bertolin.

De acordo com Paulo José o porto de Porto Velho deve receber mais de 40 geradores – de 380 toneladas cada um – até o final da construção das usinas.

Fonte: ImpactoRondonia.com

Por Marcus Lotfi


Deixe uma resposta