Maior parte da produção do Pré-Sal é do RJ

1

O Estado do Rio de Janeiro respondeu por 77,1% da produção de petróleo no ano de 2010, seguido pelo Espírito Santo (12,9%), 2,7% do Rio Grande do Norte, 2,1% da Bahia, 1,8% de Sergipe e 1,7% do Ceará, de acordo com as informações do Boletim da Produção de Petróleo e Gás Natural divulgado nesta segunda-feira (31) pela ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). 

A plataforma P-52, localizada na área norte da Bacia de Campos, a cerca de 125 quilômetros da costa do Rio de Janeiro, produziu aproximadamente 151.411 barris por dia, em média, ao longo do ano de 2010. O resultado coloca o ponto marítimo como a plataforma que mais produziu pelo quarto mês consecutivo.

Quando se analisa a produção de gás natural, o Rio de Janeiro também fica na frente, respondendo por 40,3% da produção, seguido pelo Espírito Santo, responsável por 18,6%. Na divisão dos dados por bacias, a Bacia de Campos se destaca, com produção de 85,5% do petróleo do Estado.

A produção de petróleo e gás natural no Brasil em dezembro de 2010 foi de aproximadamente 2.180 mil barris por dia e 69 milhões de m³ por dia, respectivamente, totalizando em torno de 2.615 mil barris de óleo equivalente por dia. O campo de Roncador (onde se localiza a plataforma P-52), foi o maior produtor de petróleo e o campo de Manati, o maior produtor de gás natural.

Fonte: R7

Por Marcus Lotfi

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta