Atenção Técnicos de Segurança no Trabalho: Vem aí a NR 35

41
271

Prevista para entrar em consulta pública ainda em 2010, o que ainda não aconteceu, a futura NR 35 abordará a Gestão de Segurança e Saúde no Trabalho. “Há uma lacuna. Pen­samos em uma norma de gestão integrada, com visão abrangente. Olhamos para o conjunto de riscos e fizemos diferenciações conforme o tamanho das empresas e as complexidades existentes”, ex­plica o pesquisador da Fundacentro, Gil­mar Trivelato, que fez parte do Grupo Téc­nico responsável pela construção do texto.

As empresas sem riscos significativos, co­mo um escritório de contabilidade ou um pequeno comércio, terão o PCMSO sim­plificado e devem ter a comunicação dos riscos. Para as que possuem SESMT, co­loca-se um programa de gestão com aspectos mínimos a serem cumpridos como política, planejamento, implementa­ção, avaliação de resultados. “Se a empresa já tem um programa mais completo, não precisará instituir outro. Basta fazer um demonstrativo do que possui”, esclarece Trivelato. Já as organizações que não têm a obrigatoriedade de constituir SESMT, mas apresentam riscos relevantes precisarão construir um programa que contemple todos os riscos.

A NR 35 teve como fontes o modelo de gestão de SST da OIT, a ISO 31000 de ges­tão de risco, a OHSAS 18001, a BS 8800 BSI da Inglaterra e a Diretiva Europeia de Avaliação e Controle de Riscos para a Pe­quena e Média Empresa. A questão do controle é enfatizada na norma e são apresentadas definições sobre risco e fonte de risco. Também há esclarecimentos sobre a relação entre contratante e contratada, mostrando quando a empresa primária deve ter ações de controle sobre os funcionários terceirizados. “A ideia é desbu­ro­cra­tizar e romper com a cultura do papel com um controle efetivo dos riscos”, conclui o pesquisador.

Com as informações – Revista Proteção

Por Rodrigo Cintra

41 COMMENTS

  1. Eles não tem o que fazer ganham altos salários e ficam inventando normas, eles os intelectuais do governo tem que irem no chão de fabrica para realmente verem o que é segurança do trabalho….

  2. Muito boa a iniciativa, que venham outras NRs para que possamos trabalhar cada vez mais em prol da segurança dos trabalhadores.

  3. A intenção do artigo foi muito boa. Mostrar que o Ministério do Trabalho vai juntar conceitos já amplamente usados no setor de QSMS e transformá-los em legislação nacional obrigatória. Claro que esse tipo de avanço deve ser melhor abordado e discutido, pois implicará em mudanças significativas, principalmente, em pequenas e médias empresas.

    E este assunto envolve todos os profissionais de segurança, nao somente os TST. Mas, sim, todos!

    Espero que o desejo maior desta nova legislação seja efetivamente implementado, que é o controle maior do risco no ambiente do Trabalho, e uma desburocratização no controle destes riscos .

    Temos espaço para muitas outras NR’s, mas precisamos lembrar que as legislações que já existem (incluo várias outras legislações de SST), precisam sempre ser aprimoradas e verificadas em sua eficácia. Para que não tenhamos somente obrigações legais, mas , sim, ferramentas úteis e atuantes no controle de acidentes e a preservação da saúde e da vida humana no trabalho.

  4. Acho que o MTE deveria atuar mais fortemente na fiscalização dentro das
    empresas. O que rezam as normas não é o que se implanta!
    Olho nelas MTE………………………

  5. Concordo que as normas devem existir e nos ajudam, mas também condordo que em certas empresas é impráticável da forma como é colocado. A gestão da segurança deve ter o enfoque de ser simples e eficiente para ser exequível. O governo deveria investir em um sistema para dar este apoio principalmente às empresas com menos recursos, pois senão corremos o risco de ficar à mercê de medidas legais e certificadores que lucram muito, e implantam sistemas que não resolvem os nossos problemas. A norma diz o que fazer, mas o “como” de forma “sustentável e consistente” é que precisa ser disseminado.

  6. Acho boa a iniciativa, só gostaria de saber se vai haver maior fiscalização para sua execução pois ja temos 33 e não tem fiscalização no RS suficiente para cobrança das mesmas, ou seja não adianta criar e não fiscalizar.

  7. ACHO MIUTO INTERESSANTE SO QUE PRECISA TER MAIS FISCALIZAO POR PARTE DO MINISTERIO DO TRABALHO NAS EMPRESA QUE EXISTEM MUITOA QUE NAO TAO NEM AI PARA CUMPRIR COM A LEI POR ISSO O GVERNO TEM QUE COLOCAR MAIS FISCAIS DO MINSTERIO NAS RUAS PARA TRABALHAR E COBRAR MIAS DOCUMENTACAO

  8. particularmente seria muito bom aprimorar cada vez mais as NRs, porém tem aver fiscalização de peso, pois as empresas não querem atender oq pede nas normas fazem oq elas bém querem, só mudam alguma coisa quando, elas sabem q vai ter auditoria muitas ainda querem q tst faça oq elas querem sem da suporte tipo em barragem se não for do jeito q a produção e civil eles fazem de tudo par tirar os tst da área.

  9. Boa Iniciativa a Nr 35 veio em boa hora. Mais eu Acho que o MTE
    Teria que ter mais ficalização. E que não aumenta-se so as NRs Mais também o Salário dos (TST).

  10. Concordo pois e uma nr que chamou atenção.. mas existem áreas de mineração que ainda não leva a serio o comprimento das nrs. e para elas não existem,
    e teria que a fiscalização do MTB tomar providencia.

  11. o problema e que um tecnico de segurança deveria por lei ter um auxiliar em todas as modalidades de empresa seja la qual nrs for, e muitas responsabilidades para 2 olhos sozinhos enxergar…

    • o minha querida , A cipa já está no mercado de trabalho
      na empresa que vc atua não tem cipa não , o tecnico de segurança e auxiliar do engenheiro ,m quantas pessoa vc queria trabalhando com o tecnico?? xau xau bji.. c cuida!!!!

  12. “FUNDACENTRO JORGE DUPRAD”(Barão de Limeira Campos Elíseos centro de São Paulo, Capital. Quem te conhece não te esquece jamais)!
    PS: Para um técnico de segurança, higiene e medicina do trabalho, estar atualizado, É SEGURANÇA AUMENTADA, um segurança, precisa-se de mais NR’s tantas quantas forem necessárias para que ele venha ajudar a melhorar e preservar avida do trabalhador quando no ambiente de trabalho.
    Rogo a esse grupo de trabalho que, além de NR-35 deem uma força para que se cumpram a regulamentação para quem se expõem ao
    BENZANO, TOLUENO E XILENO, TODOS CANCERÍGENOS E QUE ESTAMOS EXPOSTOS NAS PLANTAS DE PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NAS BACIAS PETROLÍFERAS.

  13. concordo plenamente em numero e grau com todos os comentarios, principalmente em respeito ao salario e a valorização dos TST que muitas empresas não cumpri.

  14. Acho muito válido a nova 35, vem de encontro com o PPRA e o PCMSO, espero que não seja mas um programa que fique somente no papel. E principalmente que os profissionais dá área de SST sejam mais valorizados com salários justo e que tenham uma visibilidade parecida com a produção.

    • Acho muito legal sobre a questão da nova nr 35, ate mesmo tem um grade poderio relacionado com os técnicos de sst, em prol de bem estar e segurança dos trabalhadores.

  15. ……………..email………………..messias250@hotmail.com
    obs: Fa
    Boa Iniciativa a Nr 35 veio em boa hora. Mais eu Acho que o MTE
    Teria que ter mais ficalização. E que não aumenta-se so as NRs Mais também o Salário dos (TST).

    mais se o MTE não ficaliza as empresas com mais frequencia
    altomaticamente as empresas sabera valoriza os tecnicos de segurança

    INVESTIR EM SEGURANÇA NÃO É CUMPRIR A LEGISLAÇÃO É ANTES DE TUDO PRESERVA O SER HUMANO, SEM ISSO NÃO HÁ NADA

  16. De que adianta termos tantas nr”s , elaborar tantas leis , se nao tem fiscalizaçao ostensiva pra verificar se estao sendo seguidas e cumpridas , tudo muito bonito mais só na teoria e na prática será que cumprem mesmo prova disso é q o numero de acidentes na c.cvil está em aclive´,,, cadê o orgao fiscalizador pra fazer jus.

  17. BOA TARDE GOSTEI DOS COMENTARIOS, ESTOU ME FORMANDO AGORA EM TÉCNICO E MEDICINA DO TRABALHO.
    NESTE MONMENTO TODA INFORMAÇÕES LIGADA A SEGURANÇA É ÚTIO ESTOU MONTANDO O TCC DE UMA METALURGICA E É MUITAS INFORMAÇÕES QUE EU PRECISA CASO TENHA MATERIAIS E POSSAM MANDAR EU AGRADEÇO.

  18. tudo que for para beneficiar o trabalhador, é bom
    porem mte fiscalizem mas pos as empressas não
    estão cumprindo as léis que ja estão em ação
    precisa de muito mas fiscalização.

  19. bom dia

    gostei e aprovo a nr – 35, só tem um detalhe, fazer cumprir porque se não tem fiscalização suficiente para detectar empresas que só pensa em produção e o resto que se exploda fica muito dificil de se trabalhar.

  20. Não acho nada agradável ficar criando normas. De nada adianta! Já existe leis demais no Brasil, e ai eu pergunto, pelo menos 50% delas funcionam? Isso só acarreta mais responsabilidades aos TST´s e salario mesmo nada!

  21. olá gente,acabei de me formar em tst,e me sinto muito isegura para exercer a profissão,mesmo sabendo a teoria,por favor vc que ja trabalha na area,me responda ,é normal?

    • Eu não terminei ainda o curso mais, os profissionais que conheço dizem que é perfeitamente normal, eu também penso que não é tão fácil, mais vamos lá, o trabalho tá aí, vamos encarar…

  22. Sou formado em tecnico de segurança do trabalho,mais ainda não atuei na profissao porque ainda nao consegui uma oportunidade nesta area, estou disponivel pra trabalhar e tambem viajar se preciso for, tenho o registro no miniterio do trabalho

  23. Adequada iniciativa, mas sugiro que os senhores aproveitem as produtivas reuniões para atualizar algumas normas, como pro exemplo a NR9, que tal?!!

  24. BOM ANTES DE DEIXAR MINHA OPINIÃO DEI UMA LIDA EM TODOS OS COMENTARIOS, E TENHO MESMO PENSAMENTO O MINISTERIO DO TRABALHO DEVERIA FISCALIZAR MAIS, POXA NORMA É BOM SIM …… NOS AJUDA E TAL, MAS SE CRIA NORMA PRA CARAMBA E AGENTE RALA PRA COLOCAR EM PRATICA MAS SALARIO DA NOSSA CATEGORIA NEM SE FALA….

  25. Olá caros companheiros Técs. de Segurança do Trabalho em todo o Brasil, um bom dia á todos!
    Bem como nós observamos virar realmente mas uma nova NR, isto pode ser algo á mas p/ nós quebrar-mos á cabeça mas terar por direito suas diretrises e seus artigos mas isso pode ser muito bom p/ o nosso meio Profissional pois é sempre bom apreender-mos mas. Que venham as futuras NRS pois serão bem vindas e que nós possamos trocar idéias e sugestões sobre tal ítem. ” SALVE-SALVE ÁS NORMAS REGULAMENTADORAS “. ALEX SANDRO LEITE. (T.S.T) HOSPITAL SÃO JOÃO BATISTA DE MACAÉ. (RJ).BRASIL. desde já um grande abraço á todos os profissinais da área técnica e que Deus nos abênçoe muito amém!

  26. Brasília/DF – A Secretaria de Inspeção do Trabalho, do Ministério do Trabalho e Emprego, publicou hoje dia 27 de março de 2012 a Portaria nº 313, de 23 de março, que aprova a Norma Regulamentadora nº 35 – Trabalho em Altura.
    Elias Gomes-Técnico em Segurança do Trabalho/Sococo Agroindustria da Amazonia.

Deixe uma resposta