Rapidinhas! Até no Carnaval!

2

É Carnaval, pessoal! Carnamar em São sebastião agita o clima e Petrobras usa o biodiesel B-50 no Carnaval da Bahia. Na Europa, longe da folia, Maersk anuncia mais uma empresa de seu grupo, a Seago Line, que estará dedicada ao transporte de containers dentro da Euroopa. Vamo que vamo! Mais tarde, Bloco da Segunda, na Cobal, em Botafogo. Vejo a galera por lá!

Carnamar agita São Sebastião – O agito no litoral foi fora da avenida neste domingo (6). Em São Sebastião o tradicional Carnamar levou dezenas de foliões à Praia do Arrastão e lá a festa começou em terra, onde uma tenda com música recepcionava os visitantes. Aos poucos, as embarcações de todos os tamanhos e cores e cheias de foliões prontos para “brincar” o carnaval apareciam no mar. Haja inspiração e animação. A 21ª edição teve uma novidade. Não foi preciso se inscrever antecipadamente. Foi preciso apenas investir na animação, na criatividade e na decoração da embarcação e da fantasia. A festa seguiu pelo canal de São Sebastião. Até o meio da tarde desse domingo (6), a diversão foi em garantida em alto mar. O barco mais enfeitado foi o Mama Thaí e o mais animado foi a Escuna Fantasia. Cada um levou R$ 1.500, além de troféu. Capitania dos Portos esteve presente, de olho nos foliões e garantindo a segurança do pessoal.

Seago Line estréia em abril – A nova empresa de transporte de containers dentro da Europa do Grupo Maersk vai iniciar a atividade no próximo mês de abril sob o nome Seago Line, com a sede instalada em Copenhagen. A partir de Abril a Seago Line assegurará todas as operações de transporte intra-europeu da Maersk Line e da Safmarine, bem como todos os serviços para os países do Mediterrâneo e do Oriente Médio. No norte, o alcance da Seago estende-se até à Rússia e aos países bálticos.

Petrobras leva biodiesel para o Carnaval – Pela terceira vez, a Petrobras, patrocinadora de ações no carnaval baiano, leva para Salvador um combustível mais limpo para abastecer os trios elétricos e carros de apoio. Depois do B-5 em 2008 e do B-20 em 2010, é a vez do B-50, biodiesel formado por 50% de óleo vegetal na mistura com diesel convencional. Os benefícios ambientais incluem a redução das emissões de dióxido de carbono (CO2), a ausência de enxofre e a redução na geração de partículas que compõem a fumaça negra. Estima-se que, com o uso do B-50, será evitado o lançamento de 71 toneladas de CO2 equivalente (unidade que se utiliza para representar os gases de efeito estufa) na atmosfera. A Companhia preparou cerca de 92 mil litros do combustível exclusivamente para o carnaval da Bahia.

Por Rodrigo Cintra

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta