ExxonMobil planeja US$ 34 bilhões de investimentos para 2011

0

A ExxonMobil teve ótimos resultados relacionados ao ano de 2010 através de um plano de negócios bem elaborado e continua bem posicionada para suprir a demanda da Indústria de energia e petroquímica que vem por aí, declarou o CEO Rex Tillerson em sua apresentação anual para analistas de investimentos na Bolsa de Nova Iorque.

“Durante esses tempos desafiadores para a Economia global, a ExxonMobil continua a investir em níveis record para fornecer a energia necessária para sustentar a recuperação da Economia, bem como seu crescimento”, declarou o executivo Rex W. Tillerson, Presidente e CEO da Exxon Mobil. “Nosso modelo integrado de negócios  nos habilita a fornecer ótimos resultados para nossos acionistas, alavancado por sóldia estrutura financeira e rigorosos sistemas de gerenciamento e sinergias operacionais”.

Tillerson declarou que a ExxonMobil espera um crescimento de 35% na demanda de energia mundial até 2030, comparando com a demanda de 2005 e ainda prevê que a demanda por gás natural vai fazer dele a fonte de energia com o maior e mais rápido crescimento. Para suprir esta demanda, a ExxonMobil vai continuar com força total em seus investimentos.

Rex Tillerson - CEO

“Nós estamos com um portifólio bem atrente de projetos de alta qualidade”, declarou Tillerson. “A despesa real em um determinado ano vai variar dependendo do ritmo e do andamento de cada projeto. Estamos nos antecipando e prevendo investimentos da ordem de US$ 34 bilhões em 2011 e  mais investimentos entre US$ 33 e 37 bilhões por ano até o ano 2015. “

Espera-se que o volume de petróleo e gás natural produzido pela ExxonMobil cresça entre 3 e 4 % em 2011 e entre 4 e 5 % em média anualmente entre 2009 e 2014. Além disso, as perdas esperadas são de 3% ao ano, que é metade da taxa de queda normal, o que se deve em parte ao aumento incomum que está ocorrendo com as grandes descobertas de petróleo, como há muito não se via.

Os 11 principais projetos de upstream da empresa começarão entre 2011 e 2013, segundo informações contidas em seu plano de negócios. Em 2011, a empresa espera produzir 120 mil barris de óleo equivalente por dia nos projetos já iniciados em 2010 e alcançar antecipadamente mais 1,4 milhões de barris de óleo equivalente por dia até 2016. Cerca de 80% desse volume será de petróleo, boa parte dele oriundo das mega descobertas.

Para quem não sabe, Upstream é tudo que envolve as atividades de busca, identificação e localização das fontes de petróleo, e ainda o transporte deste petróleo que foi extraído até as refinarias, quer seja por dutos submarinos ou por navios petroleiros, onde será processado. Resumindo, são as atividades de exploração, perfuração e produção, sem esquecer do transporte “campo x refinaria”.

Em 2010, a ExxonMobil reportou ganhos de US$30,5 bilhões, um acréscimo de 57%, excluindo-se os itens especiais, em relação a 2009 e um fluxo de caixa de US$ 51,7 bilhões. Isso deu à empresa grande flexibilidade para investir financiando o desenvolvimento de novos tipos de energia e dar um retono de US$ 19,7 bilhões aos acionistas, através de dividendos e um programa de compra de ações. Nos últimos 5 anos os dividendos aumentaram cerca de 53% e o programa de compra de ações esteve um nível maior que o dobro dos programas similares nas empresas concorrentes.

A Taxa Média de Retorno de Capital Empregado da ExxonMobil, que é um indicador econômico de desempenho financeiro primordial na tomada de decisões, esteve em 22%, deixandoa empresa em posição de liderança de mercado, estando mais de 4 pontos percentuais acima de seu concorrente mais próximo.

Em meio aos problemas no Golfo de México, a Exxon segue investindo, realocando recursos e acreditando na recuperação da Indústria petrolífera, que já começa a dar os primeiros sinais.

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta