Rapidinhas do Portal

0

E lá vamos nós com as Rapidinhas, meio de ressaca após o Carnaval, mas cá estamos! Maersk faz parceria para investimentos pesados em novas tecnologias para a recuperação de óleo. O Meio Ambiente agradece. Show! Ceará recebe R$200 milhões em investimentos da Peroba, afinal, são doi spoços jorrando petróleo para os coterrâneos. Enquanto aqui marcamos passo e demoramos a desenvolver nossa infra estrutura para cruzeiros, Hong Kong dá exemplo e fomenta a atividade em suas terras. Vamo que vamo que o ano finalmente começou!

Maersk investe na recuperação de óleo – A Maersk Oil e a TNO assinaram acordo de cooperação para desenvolver novas tecnologias para aprimorar a recuperação de óleo. O foco da parceria será projetos em poços longos horizontais e melhoria em operações e produções integradas. O projeto será tocado no Catar, onde ambas as empresas possuem centro de pesquisa. A Maersk irá investir US$ 100 milhões para ampliar a capacidade técnica de seu laboratório. A TNO é uma empresa holandesa independente de pesquisa aplicada e possui mais de 30 anos de experiência no mercado de óleo e gás. Atualmente, desenvolve projetos de recuperação de poços com outras petroleiras.

R$ 200 milhões de investimento no Ceará – No início do segundo semestre, a Petrobras deverá iniciar a instalação de dois poços de exploração no Ceará, em um investimento de R$ 200 milhões. A expectativa é que as águas profundas no Estado guardem mais um reservatório de petróleo, pois a Petrobras há tempo não investia nesse tipo de perfuração. Outra novidade é que a Unidade de Negócio de Exploração e Produção do Rio Grande do Norte e Ceará (UN-RNCE) teria superado a produção de petróleo do Recôncavo Baiano, o que deixaria a unidade como terceira maior produtora de petróleo do País.

Hong Kong quer mais cruzeiros – A indústria de cruzeiros de Hong Kong, China, espera ter um crescimento substancial em 2013, quando deve ser inaugurado o terminal de Kai Tak. Paralelamente, a cidade fomenta a chegada de transatlânticos britânicos, como da Cunard Cruise Line. Responsáveis do Turismo e Docas de Hong Kong receberam nesta quinta-feira (10) a tripulação do Queen Elizabeth, o mais novo navio da Cunard. O navio é da mesma linha do Queen Mary 2º e do Queen Victoria, e é fiel seguidor do estilo art déco. Tem capacidade para 2.068 passageiros e uma tripulação de cerca de mil trabalhadores.

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta