Deputados discutem Pólo Naval e estaleiros no RS

0
97

Duas importantes pautas envolvendo a região foram abordadas durante os discursos dos deputados estaduais Alexandre Lindenmeyer (PT) e Adilson Troca (PSDB) na Assembléia Legislativa, na quarta-feira, 16. A revitalização da indústria naval brasileira e da indústria de petróleo e gás e a importância da Refinaria Riograndense para a Metade Sul foram pontos expostos pelos parlamentares.

Os investimentos da Petrobras, na construção de novas plataformas, a implantação do Estaleiro Rio Grande e a provável instalação de outro grande estaleiro, por investimento da Estaleiros Brasil (EBR) em São José do Norte, são considerados responsáveis por proporcionar mudanças significativas no desenvolvimento econômico da cidade.

Segundo o Deputado Lindenmeyer, para cada casco para plataforma FPSO serão investidos R$ 800 milhões, gerando cerca de 5700 em empregos diretos. Para ele a articulação de ações conjuntas entre Prefeituras, Estados, União, Instituições de Ensino, Ciência e Tecnologia e empresas privadas para buscar alternativas para a qualificação de mão-de-obra e dotar a região de infraestrutura é necessária.

Adilson Troca lembrou os avanços que o governo anterior garantiu a estrutura portuária e ressaltou as grandes oportunidades que o Polo Naval traz para o Estado. “Rio Grande e toda a região vivem um grande momento. Vamos trabalhar com afinco para que o Estado consiga aproveitar todo o potencial destes investimentos”.

Troca destacou ainda a importância social da antiga Refinaria Ipiranga, atual Refinaria Riograndense, tem para a comunidade local. Ele também parabenizou o deputado Lindenmeyer pela escolha do tema.

Lindenmeyer defendeu que ações relacionados ao Prominp, como o Plano de Ação do Projeto Rio Grande, e o Projeto de Lei 041/2011 que institui o Programa de Estruturação, Investimento e Pesquisa em Gás Natural, Petróleo e Industria Naval do Rio Grande do Sul, são imprescindíveis para a garantia da competitividade e sustentabilidade dos municípios. Na oportunidade, justificou a escolha de um dos seus homenageados, o vice-reitor da Universidade Federal do Rio Grande (Furg), Ernesto Casares Pinto.

“Há a necessidade do aumento do número de hotéis, hospitais, restaurantes, escolas, moradias, tratamento de esgoto e melhor mobilidade urbana, por exemplo. Tudo isso se faz necessário para que possamos obter um desenvolvimento econômico sustentável, que prime pela qualidade de vida das pessoas e que não seja responsável pela criação de novos bolsões de miséria”, explanou o Deputado Lindenmeyer.

Com as informações – Thaise Saeter / Jornal Agora

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta