Rapidinhas – Corre senão fica difícil de acompanhar…

0

Lá vamos nós com as rapidinhas. Halliburton assina vários contratos na China, Peroba inaugura laboratório na UFPR e começa corrida contra o tempo para salvar os pingüins no arquipélago Tristão da Cinha. Procurando manter o pessoal sempre informado, o Portal Marítimo segue sempre na frente, buscando fazer um Jornalismo simples e direcionado, nada mais que isso.

Halliburton na China – A Halliburton anunciou nesta quinta-feira (24/03) a assinatura de diversos contratos para o fornecimento de equipamentos e serviços em dois blocos offshore no Mar da China Meridional. Esse é o primeiro contrato de alta pressão e alta temperatura desenvolvido na Ásia. As perfurações começarão no terceiro trimestre deste ano. A exploração será desenvolvida em dois poços consolidados e um potencial. A companhia irá fornecer serviços de perfuração direcional, medição e perfilagem sem interrompimento, testes de superfície no poços, testes de ferramenta de perfuração e equipamentos de cimentação, fluidos e bombeamento.

Petrobras e UFPR inauguram laboratório – A Petrobras e a Universidade Federal do Paraná (UFPR) inauguraram ontem, dia 24 de março, o Laboratório de Análise de Minerais e Rochas (LAMIR) no Campus Universitário Centro Politécnico. Com 18,5m2 de área construída, o projeto incluiu implantação de infraestrutura laboratorial e o desenvolvimento de métodos complementares de caracterização de rochas, recebendo investimento de aproximadamente um milhão de reais. Entre as atividades do laboratório está o desenvolvimento de pesquisa para estudo e caracterização de rochas carbonáticas não convencionais, com a integração de uma série de técnicas analíticas, permitindo a aplicação de novas tecnologias à exploração de minerais e rochas em geral. Além disso, no âmbito do Projeto ISODOL, serão desenvolvidos projetos com a incorporação de dois novos métodos analíticos: microtomografia de Raios X, e espectrômetro de massa para isótopos estáveis de Carbono e Oxigênio. Na inauguração, estarão presentes o reitor da UFPR, Professor Zaki Akel Sobrinho, e o Gestor da Rede de Estudos Geotectônicos da Petrobras, Gilmar Vital Bueno. No período 2006 a 2011, os contratos entre a Petrobras e as instituições de Ciência e Tecnologia (C&T) do Estado do Paraná totalizaram R$56,7 milhões. Destes, 36% voltados para implantação de infraestrutura laboratorial e 64% em projetos de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). Nesse mesmo período, foram investidos cerca de R$19 milhões em 21 convênios contratados com a UFPR, entre projetos de infra-estrutura e (P&D).

Corrida para salvar pingüins – Uma corrida para resgatar mais de 20.000 pinguins ameaçados por um derramamento de petróleo na ilha britânica de Tristão da Cunha, isolada do Atlântico, teve início nesta quinta-feira depois que um cargueiro ficou encalhado. Pinguins Rockhopper cobertos de óleo começaram a ser recolhidos e retirados, sendo colocados em um galpão para receberem tratamento, limpeza e posteriormente voltarem ao hábitat natutal. “Quinhentos Rockhoppers foram levados à costa em Tristão nesta manhã”, afirmou o administrador da ilha, Sean Burns, em um comunicado publicado na internet. Mas o fluido especial para a limpeza dos animais está acabando, o que obrigará a um segundo navio sair da Cidade do Cabo para fazer uma viagem de diversos dias por 2.800 quilômetros até o local. “Um próximo passo crucial confirmará um segundo navio que partirá da Cidade do Cabo nos próximos dias com todo o equipamento necessário para limpar as aves, mantê-las saudáveis e possivelmente devolvê-las ao oceano”, disse Burns. “Será uma corrida contra o tempo”, acrescentou. O MS Oliva ficou encalhado na ilha de Nightingale em 16 de março comandado por um capitão grego e com uma equipe de 21 filipinos a bordo, que foram resgatados com segurança. Desde então, a embarcação rompeu-se, dividindo-se em duas partes. “Infelizmente, as aves não podem ser alimentadas até que o navio da África do Sul chegue com o abastecimento de peixe congelado, junto com uma equipe de limpeza especializada e outros suprimentos”, afirmou John Cooper do Conselho de conservação de aves da Austrália. “As informações sobre esse segundo navio e a data de sua chegada ainda são aguardadas”, disse em comunicado. O arquipélago é hábitat da maior parte dos pinguins Rockhopper existentes no mundo. Tristão e Cunha é uma ilha vulcânica com 263 residentes britânicos descritos como a comunidade mais isolada do mundo, mas conta com hotéis, aeroporto, clubes noturnos e restaurantes.

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta