Embarcação vinda do Japão gera tensão no Porto de Santos

0

O Porto de Santos receberá neste sábado o primeiro navio procedente do Japão após o acidente nuclear na usina de Fukushima. A informação foi transmitida ontem pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ao deputado federal Roberto Santiago (PV-SP), coordenador da comissão parlamentar que investiga importações do país nipônico.

O nome da embarcação não foi revelado, mas é certo que transporta um carregamento de alimentos. Por conta disso, receberá atenção especial da Vigilância Sanitária. Amostras do produto serão enviadas para análise no Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), ligado à Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN),em São Paulo. Segundo o parlamentar, o Presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, estendeu de 48 para 72 horasotempodeantecipação da informação de chegada de navios com alimentos do Japão. Para ele, ainda é pouco.

“Queremos estender para pelo menos uma semana. O problema é que as armadores estão resistindo a isso”. Uma batalha perdida foi quanto à fiscalização dessas cargas, que serão feitas no cais, e não ao largo, como queria a comissão parlamentar. “Depois deste primeiro navio, vamos sentir como estão as coisas. Se percebermos que há risco para o País, vamos colocar um decreto legislativo para de terminar que a fiscalização seja feita na Barra (de Santos)”.

Com as informações – A Tribuna

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta