Samsung e STX querem investir em Rio Grande

0

Após reuniões realizadas com os executivos de duas gigantes sul-coreanas, o Rio Grande do Sul ficou mais próximo de receber novos investimentos. Durante esta terça-feira, 31, a comitiva gaúcha realizou encontros de negócios com a STX, uma das maiores empresas da indústria naval do mundo, e com a Samsumg C&T.

A STX atua principalmente na construção e operação de estaleiros e está interessada em aumentar sua participação no Brasil, em função do pré-sal. “Eles atuam na exploração de petróleo e gás e estão interessados em expandir. É muito provável que a missão deles desembarque no Estado este ano”, ressaltou o Presidente da Agência de Desenvolvimento e Promoção do Investimento (AGDI), Marcus Coester, que fez os contatos iniciais com a empresa.

Em seguida, o Governador Tarso Genro, o Secretário da Ciência, Inovação e Desenvolvimento Tecnológico, Cléber Prodanov, os diretores presidentes do Badesul, Marcelo Lopes, e AGDI, Marcus Coester estiveram na sede da Samsumg C&T, um dos braços do grupo. Depois de uma hora de reunião, Tarso Genro e o Presidente e o CEO da Samsung C&T, Shin Kim, assinaram um memorando de entendimento.

A expectativa é que a empresa faça investimentos em energias alternativas no Rio Grande do Sul. O Vice-Presidente Executivo da Divisão de Energia Verde da Samsumg, Cheong – Hwan Kim, será o responsável pela aplicação dos projetos no Estado. O mais provável é que a empresa monte unidades para produção de energia eólica, solar e biomassa.

O Governo também quer que as empresas atuem também nos centros de pesquisa e desenvolvimento. Tanto STX quanto Samsumg vão preparar viagens para conhecer melhor o Rio Grande do Sul e aprofundar as negociações. Ainda nesta terça-feira, a delegação foi até a cidade de Suwon, nas proximidades de Seul. Os gaúchos conheceram a Universidade Sungkyungkwan, referência na produção de semicondutores.

Mais tarde o Governador teve uma nova reunião com o Departamento de Planejamento Estratégico da Hyundai, para aprofundar as tratativas. Na segunda-feira, a empresa anunciou que irá instalar uma fábrica de elevadores em território gaúcho. O Diretor da empresa, Victor Park, acredita que a instalação da unidade pode gerar cerca de 5 mil empregos diretos e indiretos.

Com as informações – Governo do RS

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta