Rapidinhas exclusivas da Peroba

1

A coisa tá pegando fogo na Peroba. Aumento de produção, descoberta de petróleo no Norte do país e conselheiro, mago das finanças, reinventor da Matemática renunciando. As Rapidinhas chegam informando você… E eu? Tô metendo o pé, cabeção! Indo pra casa após ótimos 14 dias de muito aprendizado. Eu mereço. 

Campos de Tiro e Sídon aumentam a produção – A Unidade de Exploração e Produção do Sul, órgão da Petrobras localizado em Itajaí (SC), atingiu o recorde de produção de 29.200 barris diários (bpd), considerando a média consolidada nos últimos três meses. Com isso, o volume diário de produção, que era de 17.000, passou para, aproximadamente, 25.000 barris, extraídos dos poços 1-SPS-56 (Tiro) e 1-SPS-57 (Sídon), localizados no bloco exploratório BM-S-40 (100% Petrobras), na porção Sul da Bacia de Santos. Estas áreas fazem parte do Teste de Longa Duração (TLD) iniciado em março do ano passado e que pretende comprovar o potencial de produção avaliado inicialmente. Tiro e Sídon estão situados numa área de águas rasas, no pós-sal, na profundidade de, aproximadamente, 230 metros. Esta região fica a cerca de 210 quilômetros de Itajaí (SC). O TLD tem previsão de conclusão para fevereiro de 2012.

Palloci renuncia ao Conselho – A Petrobras comunicou que Antônio Palocci Filho renunciou ao cargo de Conselheiro – membro do Conselho de Administração – para o qual foi eleito na Assembleia Geral Ordinária ocorrida em 28 de abril de 2011. Palocci, que reinventou a Matemática, tomou uma decisão sensata, uma vez que está envolvido em uma situação muito complicada, na qual multiplicou seu patrimônio por vinte em pouquíssimo tempo, através  de supostos serviços de consultoria. Também quero dar consultoria, pôxa. Marinha Mercante, Petróleo, Plataformas, Máquinas, Jiu Jitsu, Judo, Capoeira, Purrinha e até mesmo de Carro, Pipa e Bola de Gude eu entendo. Quem precisar, é só me mandar um e mail. Ai, ai, ai…

Primeira descoberta na Bacia do Pará – Maranhão – A Petrobras informou à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis que descobriu indícios de petróleo e gás em águas profundas no bloco BM-PAMA3, na bacia Pará-Maranhão, estreando positivamente a parceria fechada em abril com a chinesa Sinopec. O poço atingiu sucesso a 2.060 metros, segundo informações no site da ANP. A Bacia Pará-Maranhão está localizada na margem equatorial do país, região que será o foco da 11a rodada de licitações de áreas de petróleo e gás natural pelo governo brasileiro, prevista para o segundo semestre, e onde especialistas vêem potencial para uma nova fronteira petrolífera no país. O acordo entre Sinopec e Petrobras foi assinado em abril e engloba também o bloco BM-PAMA-8.

Por Rodrigo Cintra

1 COMENTÁRIO

  1. Sou tripulante de um dos 3 psv’s que atendem a sonda localizada no para – chamado de projeto harpia – e realmente me sinto mto orgulhoso de ter participado dessa descoberta, mesmo que indiretamente. Vida longa ao portal maritimo!

Deixe uma resposta