Porto de Paranaguá recebe chineses interessados em investimentos

0

Um grupo de executivos da companhia chinesa Aviation Industry Corporation of China (AVIC/XAC) esteve em Paranaguá, no Litoral do estado, nesta quinta-feira (28), para conhecer as instalações do porto público e os novos projetos para expansão do terminal.

O Superintendente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Airton Vidal Maron, que recebeu o grupo, explicou que serão feitos investimentos de aproximadamente R$ 2,5 bilhões nos próximos anos, pelo Governo do Paraná, em parceria com a União e a iniciativa privada.

Com os projetos de expansão, a capacidade de movimentação de mercadorias do porto deve aumentar das atuais 40 milhões de toneladas por ano para aproximadamente 70 milhões de toneladas/ano. O projeto prevê a construção de 12 novos berços de atracação para granéis sólidos e líquidos, movimentação de carga geral, e também uma área compartilhada para embarque e desembarque de veículos e terminal turístico, para passageiros.

“Esse grupo industrial possui uma enorme expertise tecnológica e uma grande capacidade para fazer investimentos em projetos de infraestrutura e estão dispostos a fazer parcerias no Brasil”, disse Maron. “Nós mostramos que Paranaguá apresenta muitos diferenciais na questão portuária em relação aos outros portos nacionais, porque possui uma baía abrigada, de mar calmo, com boa profundidade e muitas áreas aptas a receber projetos de expansão, que já estão em estudos ou em andamento”, afirmou.

O Diretor Empresarial da APPA, Lourenço Fregonese, disse que os chineses querem mostrar ao mundo a evolução pela qual estão passando e estão propondo projetos equilibrados, com ganhos iguais para ambas as partes. “É importante que projetos desse porte sejam acelerados, para melhorar a infraestrutura nacional, dando ao país condições adequadas de crescer e se desenvolver. E um projeto nos moldes como esse grupo propõe, envolvendo negociação direta entre os governos, é muito importante para Paranaguá e para o Brasil”, afirma Fregonese.

JAPÃO — Também nesta quinta-feira a Appa recebeu uma visita de cortesia do Cônsul Geral do Japão em Curitiba, Noburo Yamaguchi, acompanhado do Presidente da Câmara do Comércio e Indústria Brasil Japão do Paraná, Yoshiaki Oshiro. O Cônsul foi a Paranaguá para conhecer as instalações do porto e colher informações para subsidiar empresas japonesas interessadas em instalar unidades de negócio no Paraná. “Temos grupos que já anunciaram investimentos, como o Sumitono, que vai produzir pneus em Fazenda Rio Grande, e muitos outros que estão com estudos em andamento para vir ao Paraná, ou que estão interessados em grandes operações de transporte que necessariamente passarão pelo Porto de Paranaguá”, disse Yamaguchi. Ele também falou sobre a necessidade de se desenvolver um projeto de longo prazo para o desenvolvimento da cidade de Paranaguá, para suportar as operações portuárias no futuro, daqui 30 ou 50 anos. “É preciso preparar-se para crescer”, disse.

Com as informações – Diário do Litoral

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta