Morre operário no Brasfels

1

O Montador de Andaimes Agostinho da Silva, de 52 anos, operário do estaleiro Brasfels, morreu na manhã de hoje (2), depois que um andaime se soltou enquanto ele e mais três homens trabalhavam na manutenção de uma plataforma, em Angra dos Reis. Os outros três homens ficaram feridos.

Agostinho ficou preso pelo cinto de segurança e foi arrastado para o fundo do mar, juntamente com a estrutura.

A profundidade do local chega a onze metros e o homem, que segundo informações de amigos, se aposentaria na próxima sexta-feira, ficou cerca de quinze minutos preso pelo cinto de segurança.

Outro operário se jogou ao mar, no intuito de socorrer Agostinho, porém não obteve sucesso e quase teve o mesmo destino da vítima fatal.

O Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Angra dos Reis, Hélio Severino de Azevedo, o Helinho, esteve no local e afirmou que o acidente está sendo apurado pela instituição e que a família da vítima receberá toda a assistência necessária.

– Estamos apurando o que de fato ocorreu. O sindicato dará toda a assistência à família, no que for necessário – falou.

Helinho também comentou sobre a necessidade do estaleiro oferecer um barco com profissionais capacitados, para que em acidentes como o ocorrido ontem, tenham um pronto atendimento.

– Estaremos brigando junto à direção da Brasfels, para que a mesma coloque um barco de apoio com mergulhadores treinados, para que em casos como este o socorro seja imediato – disse.

Familiares da vítima que se encontravam na porta do estaleiro, estavam em estado de choque, e não quiseram falar sobre o acidente.

Agostinho trabalhava há mais dez anos no estaleiro Brasfels, era natural de Bananal – interior de São Paulo -, e morava na Jacuecanga, em Angra dos Reis.

A direção do estaleiro Brasfels não se pronunciou sobre o acidente.

Com as informações – Diário do Vale

Por Rodrigo Cintra

 

1 COMENTÁRIO

  1. A informação de que outros 3 operários ficaram feridos no acidente não é verdadeira. Isto pode ser verificado junto ao própio SIndicato.

Deixe uma resposta