Petrobras vai perfurar na costa de Maricá

3

A Petrobras vai realizar, entre os dias 14 de agosto e 30 setembro de 2011, sondagem marítima na costa de Maricá (RJ), de forma a verificar as propriedades do subsolo marinho, como parte do desenvolvimento do projeto do emissário do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). Para esse fim, será utilizada uma plataforma de sondagem, que ficará localizada no mar, em frente à Praia de Itaipuaçu, na altura da Rua 60.

O projeto de implantação do Emissário Terrestre e Submarino do Comperj consiste na construção de uma tubulação que percorre trechos por terra e por mar. Esta tubulação visa levar os efluentes líquidos tratados do Comperj para o alto-mar de forma segura e com minimização dos impactos ambientais.

Os profissionais que vão realizar a sondagem na plataforma chegarão ao local de helicóptero ou barco, assim como todo o suprimento necessário para a realização do estudo. Todas as medidas de segurança e comunicação serão tomadas para informar a população. Não há previsão de atividades da empresa na faixa de areia da praia durante este período. Ao longo da realização do estudo, a Marinha do Brasil proíbe a navegação em um raio de 500m (quinhentos metros), em torno da plataforma de sondagem.

Para o esclarecimento de dúvidas e outras informações, a Petrobras disponibiliza o telefone 0800 789 001 (Opção 4). A ligação é gratuita e o serviço de atendimento ficará disponível 24 horas por dia.

Com as informações – Fator Brasil

Por Rodrigo Cintra

3 COMENTÁRIOS

  1. GOSTARIA DE SABER SE AS TONELADAS DE PEIXES MORTOS NO DIA 13/12/2011 QUE SE ENCONTRAVAM NAS LAGOAS DE JACAROÁ E CAJU EM MARICÁ ALÉM DE MILHARES DE URUBUS ESPALHADOS PELO BAIRRO E O CHEIRO INSUPORTÁVEL DE CARNIÇA,MAIS A ÁGUA COM A COR DE LAMA E ÓLEO.TEM ALGUMA COISA A VER COM A PLATAFORMA,JÁ QUE TEMOS DOIS CANAIS DE ENTRADA DE ÁGUA DO MAR,POR ITAIPUAÇU E PONTA NEGRA, QUE SERIAM PARA OXIGENAR A LAGOA E NÃO ASSASSINA-LA

Deixe uma resposta