Ministro Lobão cancela licitações de campos petrolíferos realizadas em 2006

0

O Ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, anunciou que a 8ª rodada de licitações de campos petrolíferos, realizada em 2006, está cancelada. Segundo ele, como até hoje não foram assinados os contratos pela aquisição de dez blocos em dois setores de águas profundas na Bacia de Santos, a rodada deixa de ter validade.

O leilão da Agência Nacional do Petróleo (ANP) foi interrompido naquele ano por duas liminares na Justiça. As empresas Petrobras, Repsol YPF, ONGC, Norsk Hydro e ENI arremataram as áreas situadas na região do pré-sal de Santos. Na ocasião, o pré-sal ainda não fora descoberto.

Agora, os blocos deverão ser negociados de acordo com o novo regime de partilha da produção, a vigorar a partir da descoberta do pré-sal. Esse novo quadro beneficiará a Petrobras, já que, pelo modelo de partilha, a empresa brasileira detém um mínimo de 30% de participação nos blocos do pré-sal. No leilão de 2006, a Petrobras arrematou metade das áreas ofertadas.

Com as informações – Agência Estado

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta