Petrobras qualifica mão de obra no Rio de Janeiro

0
67

A Petrobras, em parceria com o Instituto Vital Brasil, inicia o projeto Promotores da Vida nos municípios da área de influência do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro – Comperj. A ação capacitará profissionalmente, nas áreas de saúde e meio ambiente, 720 adolescentes, jovens e adultos em situação de pobreza e vulnerabilidade social.

O contrato foi assinado nesta segunda-feira (17/10) e na ocasião estiveram presentes o diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, o presidente do Instituto Vital Brasil, Antônio Joaquim Werneck Castro, e o presidente do Consórcio Intermunicipal da Região Leste Fluminense (Conleste) e prefeito de Tanguá, Carlos Pereira.

Importante ferramenta para o aumento da qualificação profissional, da empregabilidade, da inserção social e desenvolvimento da cidadania, o projeto atenderá a população dos municípios de Cachoeiras de Macacu, Casimiro de Abreu, Guapimirim, Itaboraí, Maricá, Magé, Niterói, São Gonçalo, Silva Jardim, Rio Bonito e Tanguá e terá duração de 24 meses.

O público-alvo são ex-alunos e alunos que tenham concluído o ensino fundamental da rede pública, entre 15 e 59 anos, em situação de desemprego ou subemprego e que possuam renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos. Dentre esses, terão prioridade na distribuição de vagas mães adolescentes (até 16 anos); provedores de família sem carteira assinada com 21 anos incompletos; alunos ou egressos de supletivo do ensino público sem carteira de trabalho assinada; adolescentes de 15 a 17 anos em medida sócio-educativa e portadores de necessidades especiais.

Os cursos teórico-práticos oferecidos serão para “Auxiliar Técnico de Biotério”, “Auxiliar Técnico de Controle de Vetores e Pragas Urbanas”, “Auxiliar Técnico de Laboratórios”, “Auxiliar Técnico em Manutenção de Áreas Verdes, Jardinagem e Paisagismo”, e “Monitor Ambiental em Saúde”, com carga horária variando entre 250h e 360h. Serão desenvolvidas ainda ações, como oficinas, estágios e visitas guiadas, visando à promoção da empregabilidade e do empreendedorismo dos participantes do projeto e que estimulem a vocação científica da população.

Para a implantação do projeto, serão construídas instalações do Módulo Tanguá do Instituto Vital Brazil em terreno cedido pela prefeitura do município. As inscrições serão feitas no site do Instituto (www.ivb.rj.gov.br). Mais informações podem ser obtidas no canal de atendimento do Comperj (0800 789 001 – opção 4).

Por Redação Portal Marítimo

Deixe uma resposta