Porto de Santos – Incêndio destroi armazéns da Copersucar

2
252

Incêndio destrói armazém de açúcar no Porto de Santos (Foto: Reprodução / TV Tribuna)

O incêndio que atingiu o terminal da empresa Copersucar, no Porto de Santos, foi controlado no final da manhã de ontem (18) e o local está em segurança. A operação de rescaldo deve continuar por muitas horas, informou o Corpo de Bombeiros à Agência Brasil. Para controlar o fogo, a corporação atuou com 60 homens e 25 carros.

O incêndio, segundo a Secretaria de Saúde de Santos, deixou quatro pessoas feridas. Três estão internadas na Santa Casa de Santos, e uma foi atendida, medicada e liberada do pronto-socorro da zona leste. As quatro pessoas, segundo a Companhia Docas do Estado de São Paulo, que administra o Porto de Santos, são funcionárias da Copersucar. A empresa informou que são brigadistas.

A Secretaria de Portos da Presidência da República acompanha a operação de controle do incêndio e informou que o Ministro dos Portos, Antonio Henrique Silveira, entrou em contato com os órgãos competentes para solicitar um trabalho em conjunto para administrar os danos, e que seja dada atenção aos trabalhadores feridos.

O fogo teve início às 06h10 no sistema de esteiras dos armazéns 20 e 21, usadas no transporte de açúcar. “O sistema de esteiras interliga os armazéns a outros quatro localizados na retaguarda do terminal (armazéns 6, 11, 16 e 22), para embarque de açúcar no porto. Os seis armazéns foram atingidos pelo fogo”, informou a Companhia Docas, por meio de nota.

Segundo a Prefeitura de Santos, cada um dos armazéns tinha 20 mil metros quadrados usados nas operações com açúcar a granel. O teto de dois dos armazéns desabaram. Uma análise preliminar apontou que as instalações da Copersucar foram comprometidas. Os demais terminais do porto operam normalmente e o acesso de navios ao porto é normal.

A Copersucar informou que a prioridade da empresa era o combate ao incêndio e o atendimento às vítimas. “Não há informações disponíveis sobre volumes ou prejuízos. A avaliação só será feita após o controle do incêndio”, disse a empresa.

O Porto de Santos é responsável por mais de 60% das exportações de açúcar do país e a Copersucar contribui com 25% da movimentação. Entre janeiro e agosto deste ano, 12,8 milhões de toneladas de açúcar foram movimentadas no porto.

 Com as informações – Agência Brasil

Por Rodrigo Cintra

2 COMMENTS

  1. Creio mais em uma ação criminosa do que em acidente. As coisas andam esquesitas ultimamente no Brasil. Muito estranhas mesmo

  2. Concordo em gênero, número, grau e tudo que imaginar na gramática, com o Waldemar. Muita coisa esquisita e mal-explicada no nosso país. Principalmente com o potencial que tem mostrado na economia mundial

Deixe uma resposta