Petrobras – Quem tem medo da CPI?

5

cpi-da-petrobras

O noticiário político anda bem agitado nos últimos dias, não somente por causa das coisas digamos “questionáveis” relativas à realização da Copa do Mundo, mas principalmente pela atual situação da Petrobras. E aí? Quem tem medo da CPI da Petrobras?

Politicagens a parte, sabemos de gargalos gigantes existentes na atividade petrolífera no Brasil, e boa parte deles gerados pela tal corrupção que assola nosso país do Oiapoque ao Chuí.

O Governo sempre tem medo, a Oposição, comandada pelo DEM e PSDB e mais as ações sempre “underground” do PMDB, queria CPI pra ontem, mas o fato é que ela já vai começar em breve.

O fato é que o Presidente do Senado Federal, o Senador Renan Calheiros (PMDB-AL), solicitou nesta quarta-feira, dia 7 de maio, a apresentação pelos líderes dos partidos dos nomes de seus indicados para a CPI, a fim de já saber quem serão os componentes desta comissão mista, que terá deputados e senadores em sua composição. o prazo para a apresentação será de cinco sessões legislativas. A CPI terá 32 membros.

Entre farpas e acusações, o Presidente do Congresso é acusado de ser o principal responsável pelo atraso na instauração desta CPI.

Dentre diversos assuntos a serem investigados, destacam-se os seguintes:

– Perdão do calote da Venezuela em relação à Refinaria Abreu e Lima

– Compra da Refinaria em Pasadena

– Compras da Refinaria no Japão

– Suspeita de propina da holandesa SBM Offshore

– Politicagem na indicação e distribuição de cargos na Petrobras

– Irregularidades em celebração de contratos com terceirizadas

E ainda há muito mais coisa nesse angu todo…

E o Povo, onde fica? E você, meu colega que embarca, que trabalha na área quer seja no mar ou em terra?

Você que convive diuturnamente com a Petrobras, suas subsidiárias e terceirizadas, o que acha? Sua opinião é MUITO importante para nós!

Por Rodrigo Cintra

5 COMENTÁRIOS

  1. Os problemas da Petrobras com Pasadena são conhecidos desde 2008, quando a empresa entrou na justiça contra a Astra Oil. O que uma CPI pode resolver quanto a isso? Pegar o dinheiro de volta? Em 2014?

    E a questão da politicagem não tem como ser prevenida visto que os gerentes acusados de crimes são funcionários de carreira. Cada um tem sua preferência política, e a empresa é pública. O que não pode é ocorrer corrupção. Politicagem e corrupção, parecem, mas são coisas diferentes.

    No fundo, é somente campanha eleitoral. E enquanto o PT quer defender a Petrobras mas de forma atabalhoada (para dizer o mínimo), o PSDB e o DEM querem vender o pré-sal para os colegas estrangeiros.

    • Infelizmente envolver questões políticas numa área tão técnica como é a do Petróleo é algo extremamente nocivo.
      Num país onde o Povo se orgulha de “não discutir política”, aí está o que acontece:
      Os que discutem estão aí nas cabeças.
      Obrigado pela participação, Bernardo!

  2. Existe varias falcatroas que acontecem no mundo petrolífero ofshore envolvendo funcionários da Petrobras,mas infelismente futuramente vira poeira e vai pra baixo do tapete. Me arrependo de ter votado em pessoas que futuramente iriam contribuir pra aumentar a corrupção em nosso país.

Deixe uma resposta