CMA CGM anuncia novo CEO

0

Ao completar seus oitenta anos de idade, Jacques Saadé, Presidente da CMA CGM, anunciou que seu filho, Rodolphe Saadé, é o nome CEO da empresa. Juntamente com Farid Salem e Tanya Saadé Zeenny, diretores executivos, e todo o time da empresa, ele tem tudo para conduzir os negócios com total maestria.

Após deixar o Líbano para prorteger sua família da Guerra Civil, Jacques Saadé mudou-se para Marselha / França, onde, em 13 de setembro de 1978, ele fundou a Compagnie Maritime d’Affrètement (CMA),com uma ropta de navegação que ligava Livorno (Itália), Lattakia (Síria)eBeirute (Líbano). Com apenas um navio e  , a CMA foi criada.

A empresa passou por um crescimento monstruoso baseada na fé inabalável de Jacques Saadé no crescimento do comércio mundial e no papel crucial do contêiner na Indústria da Navegação.

Assim, em 1983, seus primeiros navios cruzaram o Mar Mediterrâneo e o Canal de Suez. Em 1986 ele lançou uma rota que ligava o norte da Europa com a Ásia (Cingapura, Coreia  e Japão). Na sequência, em 1992, Jacques Saadé abriu o primeiro escritório da CMA na China, mais precisamente em Shangai, já que estava convencido de que a China seria a maior exportadora de produtos do mundo, literalmente “a fábrica do mundo”.

Combinando estratégia com um forte crescimento interno e mantendo como alvo aquisições estratégicas visando a conquista de novos mercados, como a aquisição da CGM em 1996 e da Delmasem 2005, a CMA CGM alncaçou o status de terceira maior empresa de transporte de contêineres do mundo em 2006.

É uma bonita história de uma empresa familiar que vai agora passando a cana do leme para a próxima geração, sempre mantendo as tradições marinheiras e as boas práticas corporativas que ainda mantém a CMA CGM no topo de um mercado tão competitivo.

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta