Sepetiba Tecom se prepara para receber navios maiores

0
422
Foto: Divulgação Sepetiba Tecon

Navios de contêineres de grande porte já são uma realidade no mundo da navegação e a tendência é que eles cresçam ainda mais. Para receber essas embarcações e atender as suas exigências, o Sepetiba Tecon está executando um plano estratégico para ampliação e modernização do terminal que prevê a capacitação para recebimento de navios da classe New Panamax de até 366m de comprimento (LOA) e 51m de largura (Beam).

Além de dispor de excelente acesso terrestre, o Sepetiba Tecon conta com fatores naturais que favorecem a atracação desses navios, como o amplo canal de acesso, berços de grande profundidade e águas protegidas pela Restinga de Marambaia, que com seu relevo topográfico separa as águas da baía das águas do oceano. Essas características fazem com que o mar seja calmo, seguro e propicio à navegação.

Para ampliar ainda mais a sua capacidade, o terminal concluiu a dragagem da bacia de evolução, da área de manobra e dos berços do terminal e aguarda homologação para operar com calado operacional de 14,7m. Para expansão da sua capacidade de movimentação, já estão sendo adquiridos nove novos RTGs (Rubber Tired Gantry) e dois Portêineres.

Todas essas aquisições se somarão a um pacote de investimentos estimado em R$ 567 milhões, proposto em dezembro passado à Autoridade Portuária (CDRJ – Companhia Docas do Rio de Janeiro) e ao Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, que inclui investimentos em ampliações, equipamentos, dragagem e melhorias das instalações operacionais, tendo em vista o cenário de renovação antecipada do contrato de arrendamento firmado pelo terminal e pelo poder concedente.

Além disso, o Sepetiba Tecon irá realizar nos próximos meses um treinamento que simula a atracação de navios com 366m de comprimento. Essa simulação será realizada juntamente com a Praticagem do Rio de Janeiro (ZP15) em um laboratório internacional que possui larga experiência em operação de grandes embarcações. A previsão é também realizar simulações com navios de 339m e 352m de comprimento para confirmar a operacionalidade destas embarcações no terminal e, assim, espera-se que as manobras com esses navios passem a ser cada vez mais frequentes, fortalecendo o papel do Sepetiba Tecon como porto concentrador do Sudeste.

Para ter uma ideia do tamanho desses novos navios, de 366 metros, eles equivalem a quase 10 vezes o tamanho do Cristo Redentor e podem transportar quase 14 mil TEUs (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés). Segundo Pedro Brito, Presidente do Sepetiba Tecon, poucos portos no Brasil terão capacidade de receber esses navios e operá-los sem restrições de calados. “O Sepetiba Tecon já está capacitado para receber navios de grande porte, como o Hyundai Loyalty que atraca no terminal com 339m de comprimento, e está se preparando para os próximos avanços da navegação. Com certeza seremos um dos terminais aptos para receber os maiores navios a escalar na costa brasileira”, diz Brito.

Por Redação 

Deixe uma resposta