Grupo Triunfo vem para brigar com os players nacionais na Cabotagem

0

A Triunfo Participações e Investimentos S.A., empresa que atua no setor de infraestrutura e segmentos de concessões rodoviárias, administração portuária e geração de energia, entrou, há pouco tempo, no mercado de navegação, através da criação Maestra Logística.

Segundo a empresa, as operações devem ser iniciadas até o final do ano, após término da obra de reparo e modernização dos navios Maestra Atlântico (ex Lloyd Atlântico) e Maestra Mediterrâneo (ex Neptunia Mediterrâneo).

Maestra Atlântico em obra no estaleiro Mac Laren, em Niterói / RJ

A Maestra atuará na cabotagem nacional, concorrendo diretamente  com grandes empresas como a Aliança Navegação e Logística (Grupo Hambürg Süd), Mercosul Line e Log-In Logística, as três grandes “players” do Brasil, agregando mais valor aos serviços portuários da Triunfo.

A sede da Companhia fica em Itajaí (SC) e possui escritórios em São Paulo e no Rio de Janeiro. Segundo os planos iniciais, os navios da Maestra vão operar no transporta de cargas em nossa Cabotagem, entre os portos de Itajaí (SC), Santos (SP), Suape (PE) e Manaus (AM), com serviços semanais nestes locais.

Inicialmente, a Maestra Logística vai operar com quatro embarcações, duas próprias (Maestra Atlântico e Maestra Mediterrâneo) e duas afretadas.

Geralmente as empresas começam no mar e vêm para terra, construindo terminais. O Grupo Triunfo fez o caminho inverso, mostrando ousadia e inovação. O sucesso está sempre nas mãos de quem se permite ousar e, pelo visto, esta é a filosofia empregada nos negócios do Grupo Triunfo, com a criação da Maestra Logística.

Mais uma Organização investindo em nossa cabotagem e acreditando no Brasil, contribuindo para finalmente recuperarmos este setor tão vital para nossa Economia.

Por Rodrigo Cintra

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta