Sul-coreana Daewoo Shipbuilding adquire uma participação em estaleiro naval de Angola

0

A Daewoo Shipbuilding and Marine Engineering, o segundo maior construtor naval da Coreia do Sul, anunciou em Seul ter adquirido uma participação de 30 por cento na Porto Amboim Estaleiros Navais (Paenal), em Angola.

A Daewoo, que não divulgou o valor do negócio, adiantou que o contrato para a aquisição da participação foi assinado na passada quinta-feira em Luanda e que vai participar na gestão do estaleiro naval.

Porto Amboim Estaleiros Navais (Paenal) foi inaugurado em Agosto de 2008, sendo o resultado de um investimento de 208,3 milhões de dólares pela parceria constituída pela estatal petrolífera Sonangol Holdings (10 por cento) e a empresa de serviços SBM Offshore N.V. dos Países Baixos (90 por cento).

Na sequência deste negócio, a Sonangol Holdings aumentou a sua participação da Paenal para 40 por cento e os outros dois parceiros – a Daewoo Shipbuilding and Marine Engineering e a SBM Offshore N.V. – ficam com 30 por cento cada um.

A Sonangol já efectuou encomendas junto da Daewoo Shipbuilding para navios cargueiros de gás natural liquefeito e de petróleo num valor superior a 10 mil milhões de dólares desde 1995.

Ainda de acordo com a Daewoo, as três empresas pretendem investir 100 milhões de dólares na Paenal a fim de transformá-lo até 2012 num estaleiro naval tecnologicamente avançado com gruas de 2 mil toneladas e mais espaço de cais.

Na África, a Daewoo já dispõe de uma parceria naval com a estatal Nigerian National Petroleum Corp e em Julho passado obteve um acordo preliminar para adquirir 49 por cento da Impinda, uma empresa naval detida por Khulubuse Zuma, sobrinho do presidente da África do Sul, Jacob Zuma.

Clipping diretoMacauHub

Por Marcus Lotfi

Deixe uma resposta