Guardas Portuários: Portal Marítimo fatura exclusiva com Sindicato

22
731

Conforme eu já havia dito no último texto (clique AQUI para ler), a discussão sobre a questão dos Guardas Portuários não acabou. Como vocês já bem conhecem, nós vamos atrás da informação. Nesse afã é que conseguimos uma exclusiva com o Presidente do Sindicato dos Portuários do Rio de Janeiro, Sérgio Gianetto. Perguntamos tudo e ele não hesitou em nos dizer o que pensa. Confira!

Portal Marítimo – Existe um  déficit de GPs nos portos brasileiros?
Sérgio Gianetto – Sim, existem até portos organizados que contrariam totalmente a Lei 8630 e não têm nos seus quadros Guardas Portuários. Cito como exemplo o Porto de Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro.
Portal Marítimo – Ouvimos falar que ele existe e é de quase 400 guardas. Isso procede?
Sérgio Gianetto – Em todo o Brasil, acredito que bem mais. Aqui no Rio de Janeiro, fora Arraial do Cabo, quase uma centena.
Portal Marítimo – Se exite este déficit, por que então a Docas abriu um edital para preenchimento de cadastro reserva e não para contratação imediata?
Sérgio Gianetto – Essa pergunta deve ser feita à direção da Companhia Docas do Rio de Janeiro. Entretanto, já a fizemos por diversas vezes e não obtivemos resposta convincente.
Portal Marítimo – Entre todos os aprovados, só foram chamados 8, e a Docas acredita que mesmo assim o concurso deva ser prorrogado até 2014. O sr acha que todos os aprovados serão chamados nesse período?
Sérgio Gianetto – Neste momento, para poder atender o plano de segurança vigente, aqui no Rio de Janeiro, repito, a necessidade é de uma centena de Guardas Portuários. Porém, para o novo plano de segurança, acreditamos que a necessidade seja maior, pois a movimentação portuária tem crescido nos quatro portos (Rio de Janeiro, Niterói, Itaguaí e Angra dos Reis) e também para atender a demanda com a construção dos novos terminais.
Portal Marítimo – O sindicato, bem como a Federação, estão dando algum tipo de apoio aos aprovados? Vocês já foram procurados por eles?
Sérgio Gianetto – O Sindicato dos Portuários atende a todos que o procuram e apoia as justas questões.
Portal Marítimo – Entre os comentários dos nossos leitores, há quem diga que é interessante para os GPs em exercício que os aprovados não tomem posse para que continuem ganhando horas extras. Isso é verdade?
Sérgio Gianetto – Isso é um absurdo. Afirmo que 100% dos Guardas Portuários e Inspetores cobram a contratação dos concursados. Quanto às horas extras, são somente feitas aquelas estritamente necessárias e o quantitativo, na individualidade, não aumentaria nem diminuiria. 
Portal Marítimo – Resumidamente, quais são as reivindicações atuais dos Guardas Portuários?
Sérgio Gianetto – A assinatura imediata do Acordo Coletivo de Trabalho já negociado, proposto pela Companhia Docas do Rio de Janeiro e aprovado pela categoria ; contratação de novos Guardas Portuários ; cursos profissionais de reciclagem e melhores condições ambientais de trabalho.
Portal Marítimo – Alguns leitores comentaram que o silêncio é praxe da Docas do Rio. Nós também os procuramos e não obtivemos resposta. E quando a classe bate à porta da Companhia? Calam ou falam? Costumam ser atendidos?
Sérgio Gianetto – O Sindicato tem representação em diversos fóruns na Companhia Docas do Rio de Janeiro, como empresa propriamente dita e como autoridade portuária. Nós sabemos ocupar nossos espaços e sabemos fazer com que nos ouçam e nos respeitem.
Portal Marítimo – Existe a possibilidade de Greve dos GPs em função das reinvidicações ou da propria chamada dos aprovados?
Sérgio Gianetto – A categoria portuária está pronta para fazer valer os seus direitos e suas reivindicações justas e necessárias. A nossa história é de lutas e conquistas.
O Portal Marítimo agradece imensamente ao Sr Sérgio Gianetto ter concedido esta entrevista e ter nos ajudado na nossa missão de contribuir com o debate no que diz respeito ao nosso campo de atuação.
Um forte abraço, pessoal!
Por Marcus Lotfi

22 COMMENTS

  1. eu sou plataformista perfuraçao offshoree tenho 5 anos de experiencia com passaporte e falo um poco de ingles estou aprocura de um empresa que queiram meus seviços e tenho meus cursos todos em dia obrigado

  2. Boa tarde marcus Lotfi, é de pessoas como você que precisamos para nos ajudar, fui aprovado no último concurso e a Docas Rio, não ta nenm ai para nós.

  3. Primeira vez que vejo o site. Perguntas arrojadas e diretas. Parabéns !! Sugiro que a próxima entrevista seja feita com o Cmte da guarda ou com o próprio presidente de Docas, aí, quem sabe eles poderiam te responder como eles fazem pra deslocar o efetivo de Itaguaí pro Rio e vice-versa quando há inspeções e o que houve ou foi feito para suprir tal carencia no efetivo. A desculpa sempre será esta – o plano de segurança está sendo feito – escuto isso desde de 2010. Sucesso nas próximas entrevistas, ficarei de olho no site agora .

  4. Valeu mais uma vez Marcus, mas eu particularmente, não levo muita fé nesse sindicato e esse negócio de 100% dos guardas apoiam as chamadas dos concursados infelizmenet não procede, pois existem muitos que torcem contra, Por que? eu não sei, mas vamos esperar e ver no que vai dar. A licitação para contratação de vigilantes está rolando e quase ninguém acredita.

  5. Não, você ainda não fez.
    A única coisa que não vamos permitir aqui são os ataques pessoais como os da outra matéria.
    Além disso, temos outras atividades, não vivemos o dia inteiro nesse site.
    Sempre que possível entramos e moderamos.
    Uma vez que você não se identifica, seus comentários são umas das últimas prioridades.

  6. GP, O Rodrigo tem Razão e você, que deu pra perceber que é um ser inteligente e antenado nos movimentos Sindicais da Sua Categoria, entendeu perfeitamente seu posicionamento.
    Todos devemos prezar pelo Bom Andamento deste Portal que é o Único Informe Isento que atinge essa enorme gama de Categorias ( Portuários e Aquaviários ).
    Agradeço profundamente a sua explicação sobre os movimentos sindicais da Sua Categoria, nos deu o perfeito entendimento do loteamento dessas organizações que tinham como objetivo fundamental dar suporte as demandas dos Trabalhadores de Sua Categoria.
    Na Minha Categoria ( Mergulho ) também estamos com o mesmo Problema. Estamos aguardando ansiosamente que a União ( DILMA ) faça uma devassa nesses sindicatos de Fachada e devolva aos Trabalhadores ( Povo ) o que lhes é de Direito.
    Só então os Trabalhadores poderão dar mais um passo adiante e talvez não precisar se esconder atrás de Psedônimos para se Manifestar sem sofrer represálias!!!
    Sigamos Adiante…

  7. Permanência da SEP
    sábado, 10 de dezembro de 2011

    Vários órgãos representativos enviaram, no último dia 06 de dezembro, carta à Presidente Dilma, solicitando a continuidade da Secretaria dos Portos. Estão assinando a carta as seguintes representações:

    A FNP, Fenamar, Fenop, Abepra, Abratec, ABTP, Abtra e a ANPS.

    JÁ TODOS OS CONCURSADOS E GUARDA PORTUARIOS DEVERIAM FAZER O MESMO.. ENVIAR E.MAILS PARA A PRESIDENTE OU PARA SUBCHEFIA DE ASSUNTOS PARLAMENTARES …. QUE É O ORGÃO DA PRESIDÊNCIA RESPONSAVEL DE ACOMPANHAR A TRAMITAÇÃO DE PROPOSIÇÕES NO CONGRESSO NACIONAL ..PEDINDO A REGULAMENTAÇÃO DA GUARDA PORTUARIA DENTRO DA SEP OU A APROVAÇÃO DA PEC 59/2007, SÓ COM A REGULAMENTAÇÃO E UNIFICAÇÃO QUE TODOS OS GUARDAS SERÃO VALORIZADOS …

    OBG

  8. ELES DIZEM QUE FALTAM 400 GUARDAS PORTUÁRIOS NO RJ , JÁ EU ACHO QUE FALTA MUITO MAIS O TRIPLO DISSO.. SÓ COM A DESVINCULAÇÃO DA GUARDA PORTUÁRIA DA DOCAS , QUE OS CONCURSADOS SERÃO REALMENTE CHAMADOS .. PQ NO MEU VER AS DOCAS NÃO TEM ESTRUTURA E INFRAESTRUTURA PARA PROMOVER A MANUTENÇÃO DA GUARDA E NEM A SEGURANÇA DOS PORTOS, PELO FATO DE SER UMA EMPRESA, POIS NO MEU ENTENDER ISSO É DEVER DO GOVERNO FEDERAL, ESTABELECER A MANUTENÇÃO DA GUARDA E PROMOVER A SEGURANÇA PÚBLICA DOS PORTOS ..

    DEUS ABENÇOE A TODOS

    • Gomes
      Decida se você é você mesmo ou se você é o Augusto.
      30 segundos de diferença de comentários do mesmo IP com nomes diferentes, só o “The Flash” para fazê-lo.
      Isso e outras coisas que temos visto aqui é que tiram a credibilidade de vocês.
      Ninguém nunca abriu tão amplo espaço para vocês e, quando abrimos, é isso que acontece.
      Obrigado.
      Moderação.

  9. Queria expressar meus agradecimentos a este portal pelo espaço dado a nós concursados, e sugerir com todo respeito que fizessem uma materia com alguém acima de docas peguntando o porque do silencio sobre a convocações de novos GPs e porque das contratações de tecerizados para suprir a carência de GPS lançando um edital para tal no dia 29/12/11. Abrssss galera !!!!

  10. Parabéns por mais uma matéria e obrigado pela atenção prestada aos concursados da Guarda Portuária!
    A resposta que recebemos e quado recebemos é sempre a mesma:ESTAMOS ESPERANDO A CONCLUSÃO DO NOVO PLANO DE SEGURANÇA.Plano este que nunca fica pronto.
    Também não acredito no interesse do Gianeto em nos ajudar,por ele fazer parte do conselho da adiministração,como nosso amigo GP já havia mencionado.Gostaria que ele também falasse sobre os deslocamentos de guardas portuários de um porto para o outro,inclusive os que estão de folga, quando acontecem as inspeções,para parecer que a os portos estão seguros.Sem falar na licitação para segurança terceirizada.
    O único apoio que recebemos veio da AGPERJ e não do sindicato.Por este motivo,também acharia interessante uma entrevista com um representante da associação.
    Mais uma vez,obrigado pela atenção dispensada aos concursados!

  11. Bem, nós não estamos do lado de ninguém. Ou melhor, nosso lado é o lado de todos. Queremos contribuir com o debate de opiniões para, desta forma, chegar a algum lugar.
    .
    Portanto, é muito importante que vocês, leitores, comentem, discutam, digam o que pensam. Por outro lado, ataques pessoais, comentários duplos e qualquer tentativa de avacalhar o que se está fazendo aqui de maneira bastante séria…Isso, nós não vamos tolerar.
    .
    GP, você promoveu ataques pessoais e não se identifica nas postagens. No entanto, respeito sua opinião no comentário anterior e vamos, assim que conseguirmos, procurar a AGPERJ para saber deles qual a posição sobre tudo isso.
    .
    Muito obrigado a todos os comentários elogiando a matéria e a minha pessoa. Fico realmente muito orgulhoso do trabalho que fazemos por aqui.
    .
    Um abraço a todos!!

  12. Pergunta que nao quer calar? Nos vamos ser chamados ou essa enrrolacao vai continuar em 2012?..senhor Marcos e Sr Rodrigo..os senhores ja viram em suas vidas um concurso para area de seguranca publica..chamarem seis candidatos?..nao formar uma turma? Nao ter teste fisico e nem psicologico? ..todos que eu ja realizei chamam muitos candidados..porque esse esta tao obscuro?sobre as 67 vagas declaradas pelo senhor Maj Hugo a folha dirigida..elas nao existem mais?..essas sao minhas duvidas. Meu clamor e por justica e respeito mais nada.

  13. Presado Marcus Lotfi, meus parabéns pelas matérias, são ótima qualidade e seriedade. Parabéns
    Dica: Marcus, a Guarda Portuária da CDRJ, possui um Comandante que se chama Alfeu de Souza Cardoso. A meu ver, ele como Comandante e maior interessado na melhoria de sua Guarda deveria ser o primeiro a lutar pelas contratações dos novos Guarda.
    Acho que uma entrevista assim como essa com ele seria mais que exelente.

    Uma metéria que fala um pouco sobre ele: http://policiaportuariafederal.blogspot.com/2010_08_29_archive.html

    Mais uma vem obrigado.

    Magno

  14. bom. temos que fazer uma campanha de obrigatoriedade de esclarececimento por parte de docas cadê essas vagas anuciadas pelo maj. a época do concurso ?
    o porquê de não chamarem a vacância do último concurso ? um avez que se o plano atual está em vigor jamais se poderia ter menos guardas do que a alguns anos atrás, ou seja se sairam 10 guardas repoem- se 10 guardas se foram 67 tinha que se fazer o mesmo.

    obrigado Marcus Lotfi por esse espaçoi aberto para nós concursados !!!

    Num plano de segurança se é previsto uma camêra em determinado lugar se ela sair tem que se atualizar para não ter pontos frágeis, quanto mais homens que saíram por vários outros motivos, sejam porque se aposentaram ou saíram para algo melhor não importa tem quer repor, visto como é feito no ministerio público quando se chega a defasagem de 5 % dos membros é obrigatório a abertuara de concurso público para preenchimento imediato.

  15. Senhor Rodrigo sem ofensa e com todo respeito … nos não mencionamos nome e nem atacamos ninguém, só expressamos as nossas opiniões, pois podemos usar o pc de vários lugares ate mesmo de lan house que todo mundo tem acesso… agora se nos concursados ficarmos de braços cruzados esperando a boa vontade deles para sermos contratados, vai ficar difícil… pois pagamos uma inscrição, fizemos uma prova, fomos aprovados e ninguém foi contratado é isso que a gente quer entender, .. ..agora sobre credibilidade, não sou eu a empresa que ta sendo reclamada, pois estamos reivindicando os nossos direitos, … desculpa pelo mau entendido . estamos juntos um abraço senhor Rodrigo e que Deus abençoe a todos.

    obrigado senhor Marcus Lotfi por esse espaço

    concursados

  16. Diante dos comentários acima observados venho como Guarda Portuário esclarecer o que é verdade e o que não é sobre as questões atuais da Guarda Portuária do Estado do Rio de Janeiro. Sobre a necessidade de contratação de novos concursados é indiscutível a urgência de centenas de novos funcionários para no mínimo suprir o que a legislação portuária determina. Diversos postos de serviços deixam de ser cobertos por falta de material humano e aqueles que são cobertos não atende o mínimo necessário para zelar pela segurança dos usuários e dos próprios GPs. A Diretoria da Cia Docas tem o conhecimento da realidade dessa situação onde por diversas vezes foi comunicada através de ofícios entregues pela AGPERJ. As respostas obtidas consiste no argumento de que estudos estão sendo realizados para determinar o quantitativo necessário previsto no novo Plano de Segurança. Porém tal situação vem se prolongando por anos. É de unanimidade a opinião da categoria sobre a importância da contratação desses novos concursados, até porque não teria motivo pra não ser. Não corresponde a verdade os argumentos de que são realizadas horas extras pelos Guardas Portuários além daquelas estritamente necessárias que são as horas de rendição, até porque a atual política da empresa não permite a realização injustificada de horas extraordinárias para os funcionários de carreira (Obs.: posso falar pela Guarda Portuária). A AGPERJ vem se mobilizando, inclusive junto aos concursados, apoiando-os no que for preciso e tomando as medidas necessárias para que essa vacância venha a ser preenchida. O Sindicato dos Portuários também vem atuando, cobrando da empresa a resolução desse problema. Sobre a questão da terceirização também é indiscutível a ilegalidade de tal ato, ainda mais tendo concurso em vigência. A AGPERJ mais uma vez não se calou diante de tal fato e vem agindo para impedir que tal absurdo ocorra. Entretanto não podemos esperar somente da AGPERJ ou do Sindicato que atue na busca de nossos direitos. Não adianta cada um de nós somente reclamar da situação. Participem, cobrem, denunciem. Somente nós podemos garantir o que nos é de direito.

  17. Não vou entrar em polêmica, em debate com anônimos, nem mais me manifestar, neste tema, por aqui, só pessoalmente, vou apenas informar que está a disposição, lá no Sindicato, os meus posicionamentos registrados nas atas do CONSAD e demais correspondências eviadas à CDRJ em relação à contratação de vigilância terceirizada; as inúmeras ações que fiz para impedir tal contratação; o meu voto, em separado, quando não consegui mais impedir a votação; as ações que tomamos e estamos tomando junto com a Associação da GP do RJ; todas as ações em defesa da GP, que fiz neste forum e nos demais que participamos e, por fim, a última reunião do CONSAD em que reiterei aos Conselheiros que os responsabilizaria pela aprovação da licitação de contratação de vigilância, pois nela existiam vícios. O endereço do Sindicato é Rua Acre nº 47, 5º andar, o telefone é 21 2516 1816, o email smgiannetto@terra.com.br.
    Sr moderador, estou a sua e de quem quiser, para comprovação, de tudo que disse.
    Sérgio Giannetto

  18. Engraçado de tudo isso se docas queria tercerizar algumas partes de sua companhia porque abriu esse bendito concurso ?
    pô só estamos cobrando porque depositamos nossas sonhos nesse concurso, estudei pra caramba pra ficar abaixo dos 50 pô pesquisei antes sobre o último concurso vi quantos foram chamados, não foi assim a moda ( bangu ) olhar um concurso de cadastro de reservas aí falar : vou fazer esse. pô eu só faço principalmente quando eu olho o historico do orgão para só assim começar meus estudos e principalmente pagar a inscrição e providenciar os materiais de estudos.
    Sérgio Giannetto vamos te dar um voto de confiança, entreremos em contato com você antes de mover-mos uma ação contra docas para saber sua opinião com relação a tudo isso que está acontecendo.

    E mais importante quantos você acha que vão chamar com todo esse reboliço ?
    E quantos vigilantes eles pretendiam colocar seja em posto externos ou internos ?
    agradecendo desde já sua resposta a esse forum tão importante para nós concursados. Valeu Marus !!!

Deixe uma resposta