Começou o reparo do navio que colidiu em Santos

0
443

Tiveram início os serviços de reparo no navio MV Milagro, que colidiu no Terminal de Granéis do Guarujá (TGG), na Margem Esquerda do Porto de Santos, na noite da última segunda-feira. A embarcação segue na Barra de Santos.

Segundo a Cargonave, agenciadora do navio, os serviços serão concluídos em três dias.

Após os reparos emergenciais, o MV Milagro deve retornar ao TGG para embarcar 65 mil toneladas de soja que estão armazenadas no terminal.

O graneleiro segue para a China, onde terá as áreas danificadas totalmente reformadas.

O TGG está com as operações paralisadas até que o sistema seja reestabelecido. Ainda não há previsão de retorno.

Colisão

O acidente aconteceu enquanto o navio fazia a manobra de atracação no berço do terminal, por volta das 22 horas, quando a torre de comando da embarcação atingiu um shiploader (carregador de navios). O MV Milagro, de bandeira Maltesa, embarcaria 65 mil toneladas de soja no Porto de Santos.

A embarcação colidiu com o shiploader nº 3 e atingiu o shiploader nº 4, que foi arremessado ao mar. O primeiro equipamento ficou danificado. Durante a manobra, o navio contava com o apoio de dois rebocadores.

Além da torre de comando do navio, foram danificados o grado de convés, a escada de bordo e o toldo do convés inferior. Ninguém ficou ferido.

A Capitania dos Portos de São Paulo instaurou inquérito para apurar o acidente. O resultado deve divulgado no prazo de 90 dias.

Com as informações – A Tribuna

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta