OPEP – Céticos devem logo perceber que estão errados

0

Céticos em relação ao acordo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), para reduzir sua produção e impulsionar os preços da commodity, logo perceberão que assumiram a postura errada, segundo a Bernstein.

 

 

A consultoria prevê que haverá “impressionantes” quedas nos estoques de petróleo nas próximas semanas, à medida que o impacto da redução na produção da Opep finalmente chegar ao mercado global.

Nos EUA, as importações estão elevadas desde o começo do ano, refletindo o forte nível da produção da Opep em novembro, período anterior ao início dos cortes na oferta. De acordo com a Bernstein, porém, a expectativa agora é que as importações americanas caiam 500 mil barris por dia ante os níveis de fevereiro.

Além disso, as operações de refino nos EUA poderão aumentar em 1,5 milhão de barris por dia nas próximas dez semanas, antes da temporada de maior demanda típica do verão, diz a consultoria.

“A combinação de importações em queda e maior refino de petróleo deverá levar a substanciais cortes nos estoques nos próximos meses”, prevê a Bernstein, ressaltando, porém, que a Opep precisará conter a oferta por um ano inteiro para que o excesso de petróleo seja realmente enxugado.

Originalmente, a Opep pretende reduzir sua produção ao longo de seis meses. Com informações da Dow Jones Newswires.

Fonte: Estadão Conteúdo

Por Redação

Deixe uma resposta