Técnico vem a óbito após acidente a bordo de rebocador da Wilson Sons em São Francisco do Sul

0
14479

Infelizmente mais uma noticia triste diretamente do porto de São Francisco do Sul.

Durante manutenção em motor a bordo do rebocador WS Itaqui, da Wilson Sons, um técnico foi atingido por pedaços do motor, que repentinamente “explodiu”, segundo funcionários.

Segundo nossas fontes, o mesmo estava trabalhando bem ao lado do motor, quando o acidente ocorreu.

Pedaços de acoplamento foram encontrados ao redor do motor – Foto recebida pelo WhatsApp
Equipe de socorristas do OGMO foi imediatamente acionada – Foto recebida pelo WhatsApp

Uma equipe de socorristas do OGMO do Porto de São Francisco do Sul chegou a socorrer e dar os primeiros socorros ao técnico, que foi encaminhado  ao Hospital Nossa Senhora da Graça, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

O eixo chegou a torcer, tamanho foi o impacto – Foto recebida pelo WhatsApp

O eixo chegou a torcer, tamanha foi a força, e estrados foram arrancados.

Numa análise mais criteriosa podemos ver pedaços de acoplamento espalhados, o que nos leva a crer que a “explosão” foi na verdade o acoplamento se partindo.

Rebocador estava atracado no momento do acidente – Foto recebida pelo WhatsApp

Mais uma vez em uma semana, a Marinha Mercante é abalada por um acidente envolvendo um colega que veio a óbito. Não podemos esquecer dos colegas que faleceram na explosão da caldeira na NS 32 há alguns dias.

No momento do acidente, a embarcação da Wilson Sons encontrava-se atracada no porto.

Procurada por nossa equipe, a Wilson Sons confirmou o ocorrido oficialmente, no comunicado que segue abaixo:

“A Wilson Sons Rebocadores informa que, na noite deste sábado (17), um funcionário terceirizado morreu durante a manutenção de uma embarcação da companhia, atracada em São Francisco do Sul (SC). Após o acidente, o profissional foi encaminhado para um hospital da região, mas veio a falecer. A empresa lamenta o ocorrido e está prestando assistência à família da vítima. A Wilson Sons está apurando as circunstâncias do acidente.”

O Grupo Portal Marítimo igualmente lamenta o ocorrido.

Por Rodrigo Cintra

Deixe uma resposta