Um resgate da história da empresa por meio de imagens e homenagens a novos e antigos empregados. Assim foi celebrado o Dia do Portuário na Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ). O evento, organizado pela Comissão de Qualidade de Vida e Trabalho (CQVT), lotou o auditório do Porto do Rio de Janeiro na manhã de terça-feira, dia 29.

Após a exibição de vídeos com fotos dos empregados e dos portos, em seu discurso de abertura, o diretor-presidente da CDRJ, Tarcísio Tomazoni, enfatizou que a homenagem aos portuários independe da função que exercem ou exerceram: “Essa engrenagem precisa de todos para que a empresa alcance o sucesso. Há pessoas aqui com 30, 40 anos de casa e, quem faz isso por tanto tempo, faz porque gosta. Eu agradeço a dedicação e o empenho de todos. Essa é uma singela, mas justíssima homenagem”.

Os portuários agraciados, inclusive os membros da CQVT, receberam certificados da homenagem pelas mãos do presidente Tomazoni, e também do diretor administrativo-financeiro, Helio Szmajser; e do diretor de Relações com o Mercado e Planejamento, Frederico Klein.

Também estiveram presentes na cerimônia representantes de entidades do setor portuário, tais como: Sindicato dos Portuários do Rio de Janeiro, Associação dos Servidores Aposentados dos Portos do Estado do Rio de Janeiro, Associação dos Guardas Portuários do Estado do Rio de Janeiro e Federação Nacional dos Portuários.

Redação

Deixe uma resposta